Aos 14 anos, campineira é a atleta mais jovem a vencer torneios profissionais de beach tennis

Isabela Massaioli de Sousa estrou pela ITF neste ano, já conquistou dois títulos e vem se destacando na modalidade

Campinas, 09 de junho de 2022 – Inspirada no pai Lucas Sousa, que já esteve na lista dos 100 melhores do mundo e hoje atua como coach de atletas profissionais, Isabela Massaioli de Sousa, 14 anos, decidiu em 2018 seguir os mesmos passos e se dedicar à prática do Beach Tennis, esporte com maior ascensão nos últimos anos. Quase quatro anos depois, a jovem campineira começa a colher os frutos da dedicação aos treinos, tornando-se a mulher mais jovem do mundo a conquistar títulos na categoria profissional de torneios chancelados pela International Tennis Federation (ITF), além de convocações para seleções paulista e brasileira.

O talento da jovem Isabela começou a despontar já no primeiro ano em quadras. Com 11 anos, foi convocada pela primeira vez para representar o estado de São Paulo na Copa das Federações e, em seguida, para defender o Brasil na categoria sub-12, no Pan Americano de Beach Tennis realizado em Aruba. Na final, junto com a também campineira Manuela Orsi, venceu a dupla da Venezuela, sagrando-se campeã panamericana.

Em 2021, quando as competições foram retomadas, por conta da pandemia, ainda como amadora, Isabela voltou a ser convocada para o Pan Americano na categoria sub-14, sagrando-se bicampeã panamericana.

No início deste ano, decidiu enfrentar novos desafios na carreira, ao disputar os torneios na categoria profissional pela ITF. E os resultados vieram mais rápido do que esperava: em maio, no torneio ITF BT10 do Circuito Mormaii, tornou-se a mulher mais jovem a ser campeã, ao lado da parceira Vitória Marchezini, até então a beach tenista feminina mais jovem a conquistar um título, aos 15 anos, em um campeonato chancelado pela ITF. E na semana passada, no ITF BT10, disputado em Valinhos, foi novamente campeã, ao lado da parceira Raquel Iotte.

Aos 14 anos, Isabela ocupa a posição de 287 no ranking mundial feminino da ITF e treina no CT Lucas Sousa. Sua meta é melhorar ainda mais esta posição ao longo do ano. Para isso, vai encarar vários campeonatos profissionais e infantojuvenil: nesta semana, está em Minas Gerais, onde disputa o ITF BT400 de Uberlândia (profissional). Também competirá no Sand Series de Brasília e no ITF BT50 e BT10 de Londrina. Em julho, pelo Circuito Infantojuvenil, categoria sub, encara o torneio em Valinhos e depois o ITF BT200 de Recife e o ITF BT400 de Maceió.

  

Comentários