Prefeito de Jaguariúna corta o próprio salário e o dos secretários municipais em 20%

A medida foi determinada pelo próprio chefe do Executivo nesta quinta-feira, dia 23 de abril, por meio de decreto municipal

A Prefeitura de Jaguariúna cortou em 20% os salários do prefeito Gustavo Reis e dos 15 secretários municipais (primeiro escalão). A medida foi determinada pelo próprio chefe do Executivo nesta quinta-feira, dia 23 de abril, por meio de decreto municipal.

A decisão tem o objetivo de contribuir com as ações de austeridade da máquina pública para poder destinar mais recursos para a Saúde durante o período de combate à pandemia do coronavírus. Segundo o decreto, o corte nos salários terá validade de 60 dias.

Outras medidas
Além do corte nos salários do prefeito e secretários municipais, a Prefeitura de Jaguariúna também já adotou outras medidas que contribuem para amenizar os efeitos da crise da pandemia. A principal delas foi a suspensão do pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) fixo e da taxa de alvará pelo prazo de três meses.

  

Comentários