Prefeitura de Artur Nogueira lança Concurso Fotográfico

A Prefeitura de Artur Nogueira inova e lança, pela primeira vez em sua história, juntamente com a Casa da Memória, o Concurso de Fotografia “Artur Nogueira em diferentes ângulos”, destinado a premiar dezesseis fotos selecionadas, devendo destacar cenas do cotidiano, solenidades, prédios, enfim, algo que represente a vida da cidade.

O concurso é promovido pela Prefeitura de Artur Nogueira, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo em parceria com a Casa da Memória, visando fomentar e descentralizar recursos para produção de fotografia local, com prêmio no valor de R$ 1.000,00 para a melhor foto selecionada e também a seleção de mais quinze fotos que ilustrarão o calendário oficial da cidade em 2016.

As inscrições começaram na sexta-feira, dia 23 de outubro e se prolongarão até o dia 20 de novembro deste ano, devendo os interessados preencher a ficha de inscrição disponível no site da Prefeitura de Artur Nogueira, juntamente com o edital de regulamento e outros documentos importantes para o processo.

Ao lançar o projeto, o Prefeito Celso Capato afirmou que os objetivos do concurso são fomentar a produção fotográfica em Artur Nogueira, incentivar novos valores artísticos e promover o acesso gratuito a produções fotográficas para a população em geral. Com isso, explicou, está fortalecendo a política cultural local.

OFICINA DE FOTOGRAFIA
A Prefeitura de Artur Nogueira em parceria com o MIS (Museu da Imagem e do Som) promovem nessa terça-feira (27) a partir das 18 horas a oficina de fotografia “Luz Ambiente e Ambiente de Luz” com a fotógrafa e doutoranda em poéticas visuais pela USP, Elisabete Savioli.

A oficina pretende explorar as possibilidades de construção de sentido na fotografia por meio da análise e manipulação das mais diferentes condições de iluminação. Recuperando parâmetros históricos, e utilizando como exemplos imagens de fotógrafos consagrados (como Nadar, Brassaï, Mark Cohen, Bruce Gilden, Wolfgang Tillmans e Agnes Thor), os alunos serão estimulados a manipular fontes contínuas, flash embutido ou unidades dedicadas, ampliando seus conhecimentos técnicos e exercitando sua criatividade.

Essa oficina será conduzida por Elisabete Savioli,  que é fotógrafa e doutoranda em poéticas visuais pela ECA-USP, professora de fotografia no Centro Universitário Maria Antonia/USP. Ilustrou as técnicas de laboratório com suas fotos no livro Revelação em Preto e Branco (de Millard Schisler, ed. SENAC-SP, 1995). Atua como printer fine-art para artistas, museus e galerias.

São 20 vagas para pessoas a partir dos 12 anos de idade e pedimos a todos que queiram participar que tragam suas câmeras, mesmo amadoras ou profissionais, o importante é trazê-las para conseguirem um melhor aproveitamento da aula.

  

Comentários