Vereadores se reúnem com gestores do Lar São Vicente de Paulo para discutir formas de ampliar apoio à entidade

Na terça-feira, dia 8 de maio, os vereadores tiveram uma reunião na Câmara com a diretoria do Lar São Vicente de Paulo, entidade sem fins financeiros ligada à Igreja Católica que há 40 anos acolhe idosos em Santo Antônio de Posse.  Os gestores do Lar apresentaram alguns dos principais desafios que a entidade enfrenta para manter suas atividades e honrar todos os compromissos, tendo em vista que, segundo o presidente Arnaldo Comisso, a despesa anual gira em torno de R$ 1 milhão.

O repasse mensal feito pela Prefeitura, de cerca de R$ 16 mil de acordo com os gestores, apesar de ter aumentado este ano, está bem aquém das necessidades do Lar, que precisa contar com o apoio da sociedade para sobreviver, através de doações, ajuda financeira e eventos beneficentes. Comisso afirma que o déficit atual entre tudo o que é arrecadado e o que é gasto é de cerca de 10%.

“Mesmo assim estamos sempre melhorando nossa estrutura e buscando ser exemplo para outras entidades que cuidam de idosos. Peço a vocês vereadores que deem suporte ao Lar em tudo o que for necessário e estiver ao seu alcance fazer para nos ajudar”, pediu o presidente.

Os vereadores mostraram-se sensibilizados e comprometidos com as demandas da entidade, assim como de outras instituições que realizam um trabalho fundamental para a sociedade como a APAE, e sugeriram a realização de uma audiência pública com a participação da população e do governo municipal para discutir caminhos que ajudem a manter a saúde financeira e os bons serviços prestados pelas entidades.

  

Comentários