ACIC eleva a projeção de vendas para o Dia dos Pais

Queda no valor do combustível e programas de transferência de renda são os principais motivadores para a revisão da avaliação referente a Campinas e região

O Departamento de Economia da Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC) elevou a projeção de vendas para o Dia dos Pais deste ano, a ser comemorado no próximo domingo, 14 de agosto. No varejo físico, a expansão deve ser de 5,71%, na Região Metropolitana de Campinas e de 16,54% em Campinas, sobre os números de 2021, que perderam 41,7% em relação ao Dia dos Pais na RMC, e 42,0% em Campinas, quando vieram os efeitos da pandemia em 2020.

Os motivos da revisão foram, principalmente, a queda nos preços dos combustíveis e da energia elétrica, os incentivos financeiros e fiscais, o pagamento do Auxílio Brasil e do Bolsa Caminhoneiro e as medidas elaboradas pelo Governo Federal, cujo custo representa R$ 41,25 bilhões fora do teto de gastos.

As vendas do comércio eletrônico devem ficar 4,38% abaixo do verificado em 2021, mostrando uma pequena queda, se comparado às vendas on-line, por ocasião da pandemia. De acordo com o economista e diretor da ACIC Laerte Martins, o valor médio do presente será de R$ 128,00, 2,4% sobre os R$ 125,00 de 2021. “Os itens mais procurados devem ser calçados e vestuário como, por exemplo, gravatas e camisas, além de eletroeletrônicos e perfumes”, afirma o economista. Segundo ele, até os restaurantes devem faturar, já que os filhos vão querer comemorar a data com os seus pais. Ainda, de acordo com Laerte Martins, não há contratação de mão de obra temporária em decorrência da data.

 PREVISÃO REVISADA 

 

Vendas Físicas 2022 2021 %
RMC 148,0 140,0 5,71
Campinas 77,5 66,5 16,54
Vendas Digitais 2022 2021 %
Campinas / RMC 120,0 125,5 (-4,38)
Total 345,5 332,0 4,07

  

Comentários