Copa de Futebol de Base mobiliza equipes da região em Holambra

Mais de 450 atletas da região estão disputando no Estádio Municipal Zeno Capato desde a última segunda-feira, 9 de julho, uma vaga nas finais da Copa Holambra de Futebol de Base, a Copinha. O torneio reúne 25 equipes de Campinas, Sumaré, Paulínia, Rio Das Pedras, Capivari e Jacutinga, além da cidade anfitriã.

Dividido em quatro categorias, o campeonato chega nessa quarta-feira à terceira rodada da fase de grupos, com oito partidas de clubes do Sub- 10, Sub-11, Sub-13 e Sub-15. Holambra joga às 13h e às 13h45 contra Leãozinho e Bom de Bola, respectivamente. A entrada de espectadores e torcedores para a arquibancada é gratuita.

De acordo com o diretor municipal de Esportes, José Roberto Maganha Junior, o principal objetivo da Copinha é estimular a competição saudável e a interação entre atletas de diferentes municípios e realidades.

“É um intercâmbio muito positivo, com impactos no comportamento, na socialização e na formação dos jogadores”, explica. Segundo ele, foram esses os motivos que levaram a Prefeitura a ampliar a competição que, desde 2015, acontece duas vezes ao ano na cidade. “Isso fortalece o calendário esportivo e incentiva os jovens da escolinha”.

Para o diretor, a realização da Copinha no mesmo período em que acontecem os jogos da fase final da Copa do Mundo da Rússia é um motivador a mais para os participantes. “Estamos todos com as atenções voltadas ao futebol. Acompanhar a Copa dá aos jovens atletas um ânimo diferenciado para jogar bem e se destacar por aqui”, afirma.

Em 2017 Holambra conquistou o título da categoria Sub-13 e foi vice-campeã no Sub-15. A meta para esse ano é repetir o bom desempenho e levar as equipes locais às finais do certame.

  

Comentários