Depois da primeira vitória, Guarani vive expectativa por força máxima na Série B do Brasileiro

Bugre conta com retorno de jogadores que estavam suspensos para enfrentar o Náutico

O Guarani respirou um pouco mais aliviado após a quarta rodada da Série B. A equipe alviverde conquistou a primeira vitória no campeonato, sobre o Criciúma, deixou a lanterna e a zona de rebaixamento. Com quatro pontos, o Bugre agora está em 14º lugar.

Na partida de quarta-feira, quando o time fez 1 a 0 sobre o Criciúma, no Brinco de Ouro, o técnico Daniel Paulista não contou com o lateral-esquerdo Matheus Pereira e nem com o meia Giovanni Augusto, suspensos pelo terceiro amarelo. Eliel e Marcinho foram os substitutos.

Para o confronto com o Náutico, pela quinta rodada, Matheus e Giovanni voltam a ficar à disposição. Além deles, o zagueiro Leandro Castan, em processo de recondicionamento físico depois de problemas musculares, também pode ser relacionado novamente.

Por fim, quem ainda segue sem figurar na lista de relacionados é o lateral-direito Mateus Ludke. Ele está fora dos jogos desde que foi diagnosticado com dengue, antes da estreia na competição, contra o Brusque, no dia 8 de abril.

Mateus Ludke, lateral-direito do Guarani — Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

Desde o começo da Série B, o Guarani ainda não teve a força máxima do elenco. O Bugre volta a campo na próxima terça-feira. A partida com o Náutico está marcado para às 21h30, nos Aflitos.

 

  

Comentários