EDUCAÇÃO E SAÚDE UNIDAS EM AÇÃO CONTRA A DENGUE

Com o avanço da dengue em diferentes pontos da cidade, a Prefeitura Municipal uniu as secretarias de Educação e Saúde no combate à doença. Neste sábado (14), uma ação em conjunto mobilizará todas as unidades de ensino de Mogi Mirim. Ela ocorre em meio ao “Família na Escola”, atividade escolar prevista no calendário de 2022 e que terá inúmeras ações envolvendo cada comunidade.

Com as escolas de portas abertas, a campanha de conscientização no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue estará em pauta. Por isso, na quarta-feira (11), diretores das 22 EMEBs (Escolas Municipais de Ensino Básico), dos 14 CEMPIs (Centros Educacionais Municipais de Primeira Infância) e do Cemaae (Centro Municipal de Apoio e Atendimento Especializado) se encontraram na Sala de Reuniões da Secretaria de Educação.

A gerente da Vigilância em Saúde, Vivian Delalibera de Souza Custódio, e o coordenador da Vigilância Ambiental e Zoonoses, Rogério Garros, juntamente com as coordenadoras da Educação, deram mais detalhes sobre a situação atual da dengue no município e a respeito das orientações que devem ser dadas à comunidade escolar.

“As crianças são agentes de comunicação importantíssimos. Elas escutam com atenção orientações como estas e não só repassam aos familiares, como cuidam também para que não haja focos de transmissão”, frisou Ana Lucia Bueno Peruchi, Secretária de Educação. Além da atividade especial deste sábado (14), o assunto “dengue” prosseguirá dentro da grade pedagógica, sempre com a intenção de fortalecer a comunidade escolar no combate à doença.

Família na Escola

Além da dengue, cada escola montou a sua programação, sendo. Serão realizadas, por exemplo, oficinas de flores de papel, de jogos, de teatro, de máscaras de fantoche, modelagem e de leitura. Algumas unidades terão ainda caminhada, atividade física na quadra, serviço de esmaltaria, aferição de pressão, orientação de alimentação.

A Vigilância orienta a população para que, durante a aplicação da nebulização, mantenham portas e janelas abertas, mas cubram alimentos, filtros de água, roupas, bebedouros e aquários.

Idosos, crianças e pessoas alérgicas devem permanecer em um cômodo fechado durante 30 minutos e os demais moradores dentro de casa. É aconselhável que ninguém permaneça na rua.

  

Comentários