Em conscientização e prevenção sobre a hanseníase, inicia a campanha ‘Janeiro Roxo’.

A Prefeitura de Cosmópolis, através da Secretaria Municipal de Saúde, reforça a necessidade de prevenção, mobilização e combate à doença.
As ações da campanha Janeiro Roxo visam lembrar da importância do diagnóstico precoce e os tratamentos contra a hanseníase , ofertados de forma gratuita pelo Sistema Único de Saúde (SUS), além da luta contra o preconceito.
O enfrentamento da hanseníase somente é possível com o diagnóstico precoce, estabelecendo medidas clínicas para o tratamento oportuno de todos os casos, essenciais na prevenção das incapacidades físicas geradas pela doença, sobretudo na vigilância dos contatos domiciliares e sociais.
A hanseníase, anteriormente conhecida por lepra, teve seu nome alterado no Brasil no ano de 1976. Essa mudança ocorreu por uma iniciativa do médico dermatologista Abrahão Rotberg, professor da Escola Paulista de Medicina – Universidade Federal São Paulo (EPM/Unifesp), e teve por finalidade reduzir o preconceito em torno da doença que, por muitos anos, teve seus pacientes sofrendo rejeição e exclusão social.
A doença acomete homens e mulheres em igual proporção e idades, afetando principalmente pele e nervos periféricos (superficiais).
✔Previna-se, procure uma unidade de saúde, o diagnóstico é essencial contra a doença.

  

Comentários