Emoção e júbilo marcam honraria e homenagem a Arnaldo Franco e Banda Lira na Festa de Maio

A Câmara Municipal de Itapira realizou na noite desta quinta-feira, dia 9, no Largo de São Benedito, durante a 131ª edição da Festa de Maio, sua segunda sessão solene de 2019, ocasião em que outorgou o título de cidadania itapirense ao renomado chefe da Congada Mineira de Itapira, Sr. Arnaldo Franco, assim como entregou uma placa comemorativa em homenagem aos 110 anos da Banda Lira Itapirense. Na ocasião, além do presidente da Câmara Municipal, vereador Luan dos Santos Rostirolla, estiveram presentes os vereadores Carlinhos Sartori, Mino Nicolai, Toninho Marangoni e as vereadoras Beth Manoel e Professora Marisol. O prefeito José Natalino Paganini e o deputado estadual José Antônio Barros Munhoz também marcaram presença.

Após a composição do dispositivo pelo cerimonial, integrantes da Banda Lira Itapirense executaram o Hino Nacional Brasileiro. Em seguida o presidente da Câmara fez uso da palavra e se mostrou fortemente emocionado.

“Mais que justa e merecida esta homenagem. Fiz questão que nós, vereadores, nos dispuséssemos a sair da Câmara e fizéssemos esta homenagem onde ela deveria ser feita, na Festa de Maio, um local de inúmeras tradições, assim como são tradicionais a nossa querida Banda Lira Itapirense e nossa Congada Mineira, que por 60 anos teve em seu comando o Sr. Arnaldo Franco. Estou imensamente feliz por participar disso e agradecido aos vereadores por terem abraçado esta ideia”, destacou Luan.

Na sequência, Arnaldo Franco acompanhado de sua esposa Dorcides Maria Franco foi homenageado com o título de cidadão itapirense, enquanto que o presidente da Banda Lira Luís Fernando de Almeida, o vice Mário Sebastião Bazani e o maestro Maurício Perina, receberam uma placa comemorativa aos 110 anos da Banda Lira Itapirense assinada pelos atuais vereadores.

O vereador Carlinhos Sartori, autor da propositura, relembrou um pouco da história e tradição da congada, seu início nas rodas de “batuque” e a chegada da família Franco em meados da década de 1950 à Itapira. “Joaquim Benedito Franco já trazia seus familiares lá da Fazenda Cachoeira onde moravam para a Festa de Maio. Em 1959, seu filho Arnaldo assume o comando, tornando-se Rei da Congada Mineira”, lembrou Carlinhos.

O prefeito José Natalino Paganini e o deputado Barros Munhoz também parabenizaram os homenageados e fizeram referências às lembranças que marcaram suas vidas.

“Eu vinha na Festa quando criança com meus pais, e naquela época escolhíamos apenas um brinquedo para andar, comprava uma bola e uma maça do amor. Mas meus pais nunca voltavam para casa antes de ver a Banda Lira e a Congada Mineira passar”, destacou o prefeito.

Já o deputado relembrou o fato de que, quando criança e na sua mocidade, podia ouvir o serviço de autofalante da festa dentro de sua casa, já que morava no início da rua Comendador João Cintra com a 7 de Setembro. “Eu fiz questão de estar aqui hoje, porque mais do que nunca nós precisamos reverenciar o nosso passado, homenagear àqueles que fizeram e continuam fazendo pela arte e pela cultura de nossa terra. Nós temos que parabenizar a vocês sabe por que, porque são poucas as coisas no Brasil que tem 131 anos de existência. E a nossa Festa de Maio tem. Talvez seja a maior festa em homenagem à raça negra do Brasil”, finalizou o deputado.

 


Comentários