Famílias carentes de Mogi Mirim serão beneficiadas pelo CadÚnico Porta Aberta

A proposta é atender diretamente a população no CadÚnico, sem necessidade de agendamento junto ao CRAS

A partir do dia 4 de Outubro, as famílias mogimirianas que recebem até ½ salário mínimo per capta, poderão contar com um novo modelo de atendimento para a concessão de benefícios: o CadÚnico Porta Aberta. O novo modelo tem por objetivo desburocratizar o processo de inclusão das famílias no CadÚnico, agilizando o atendimento.

Há mais de cinco anos, aqueles que precisam de inclusão no sistema do Cadastro Único vão até os CRAS, recebem as primeiras orientações e fazem o agendamento para entrevista e apresentação da documentação, junto ao CadÚnico. Mas, por causa da demanda reprimida em virtude da pandemia, o número de famílias procurando benefícios aumentou muito e inflou o sistema, acarretando demora de mais de um mês para o agendamento”, explicou a assistente social Eliana Bellini, que coordena o Programa de Transferência de Renda no Município.

Para solucionar o problema, a proposta é atender diretamente a população no CadÚnico, sem necessidade de agendamento junto ao CRAS da região que a família vulnerável reside. A Assistência Social entende que a família que busca benefícios governamentais a que tem direito, já está em uma situação de muita dificuldade. Ela não pode esperar tanto tempo para receber o auxílio. Por isso, o CadÚnico Porta Aberta será eficiente, no sentido de contemplar os mais vulneráveis no menor tempo possível”, ressaltou a secretária de Assistência Social, Cristina Puls.

A mudança na forma de atendimento é necessária porque no formato atual, com agendamento, os funcionários ficam com a agenda “engessada” principalmente quando ocorrem faltas. “Em agosto, por exemplo, de 340 agendamentos, apenas 240 foram executados. Ou seja, tivemos 100 faltosos e os horários ficaram ociosos, sendo que poderiam estar sendo utilizados para atender outras famílias em necessidade”, explicou Eliana Bellini.

Em números

De janeiro até agora, o CadÚnico já realizou 1.481 atendimentos às famílias em vulnerabilidade social. Em média, são mais de 160 atendimentos por mês, sendo que do total, 504 famílias já foram incluídas recentemente no CadÚnico para a concessão de benefícios.

Dentre os benefícios concedidos estão a Tarifa Social de Água, a Tarifa Social de Energia, o Programa Bolsa Família, o Viva Leite, o Identidade Jovem, a Carteira do Idoso, o Casa Verde e Amarela (antigo Minha Casa, Minha Vida), isenção em tarifas de concurso público, o INSS Dona de Casa e o BPC (Benefício de Prestação Continuada).

Porta Aberta

O CadÚnico Porta Aberta começa a atender sem agendamento a partir de 4 de Outubro, das 7h30 às 15h, sem intervalo para almoço. Inicialmente, serão distribuídas 20 senhas por dia, para melhor organização e eficiência das entrevistas. Em caso de dúvidas sobre documentação e critérios para inclusão da família no CadÚnico, o munícipe pode ligar para o telefone (19) 3862-4755 ou enviar mensagem para o Whatsapp (19) 99995-6032. O CadÚnico fica na Avenida Brasília, número 20, no bairro Nova Mogi (atrás do Estádio Vail Chaves).

  

Comentários