Fundo Social recebe 700 cestas básicas destinadas a famílias em situação vulnerável

Nesta quarta-feira, 23 de março, o Fundo Social de Solidariedade de Mogi Guaçu recebeu a doação de 700 cestas básicas que serão distribuídas para as famílias em situação de vulnerabilidade social, acompanhadas pela Secretaria Municipal de Assistência Social. A doação foi realizada pelo Fundo Social de Solidariedade de São Paulo, que também enviou itens de uso pessoal.

As cestas básicas contendo itens não-perecíveis, como arroz, feijão, óleo, farinha de trigo, açúcar, macarrão, sal e fubá beneficiarão cerca de 700 famílias e aproximadamente cinco mil pessoas entre adultos, adolescentes e crianças da cidade.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Mogi Guaçu, Ana de Elisabeth Filomeno, explicou que as famílias inscritas no Cadastro Único, com avaliação de técnicos do Centro de Referência da Assistência Social, o CRAS, podem ser contempladas. “Os beneficiados que estiverem corretamente cadastrados poderão retirar suas cestas no lugar designado pelos CRAS”, disse.

Ana Filomeno ressaltou que as cestas básicas são distribuídas conforme a necessidade de cada família e que já são acompanhadas e indicadas por meio de relatórios apontados pelos técnicos do CRAS de cada região do município. “Feito isso, os técnicos informam ao Fundo Social para que a entidade faça a entrega”, comentou.

Materiais
O Fundo Social de Solidariedade de Mogi Guaçu também recebeu da entidade paulistana, kits de materiais de uso pessoal. Entre os materiais doados estão 64 sacos de dormir, 25 cobertores, 90 caixas de água sanitária e 145 brinquedos, 1.450 máscaras e 2 mil escovas de dente. “Em tempos de dificuldade, o apoio de iniciativas emergenciais é fundamental para garantirmos condições básicas às pessoas que mais precisam”, finalizou Ana Filomeno.

  

Comentários