Hospital Municipal de Itapira reabre terceiro andar

Depois de passar por uma ampla recuperação, o terceiro andar do Hospital Municipal de Itapira reabriu nesta sexta-feira, após inauguração prevista para o final da tarde. A reabertura aconteceu com o término da segunda etapa da reforma, que aconteceu na ala leste daquele piso. No total, foram investidos quase R$ 4 milhões no Hospital Municipal em recursos obtidos pelo prefeito José Natalino Paganini e pelo deputado Barros Munhoz junto ao governo do Estado, com autorização especial do governador Geraldo Alckmin. A maior parte dos recursos foi aplicada no terceiro andar, enquanto outra parte foi destinada à reforma da cozinha do Hospital, que está sendo concluída.

Com a abertura da ala leste do terceiro andar, 21 novos leitos serão colocados à disposição da população. Destinados ao atendimento especializado, eles complementam os 21 leitos entregues no passado, utilizados em clínica médica. Assim, a partir desta tarde, a população itapirenses passa a contar com mais 48 leitos no Hospital Municipal. “Só posso agradecer, sensibilizado, ao deputado Barros Munhoz por sua luta em favor de nosso Hospital Municipal e, portanto, de toda nossa população, e ao governador Geraldo Alckmin por sua sensibilidade e presteza ao liberar as verbas necessárias para esta reforma”, afirmou o prefeito Paganini.

A nova ala abrirá atendimento especializado em urologia, clínica e cirurgia vascular, neurologia, cirurgia geral, cirurgia bucomaxilofacial, otorrinolaringologia e ortopedia. Além disso, ela contará com uma área de isolamento totalmente renovada. Como diferencial, o terceiro piso recebeu ainda uma ilha de enfermagem, que foi construída e instalada de forma adequada aos mais modernos padrões de atendimento em hospitais. Anteriormente, a área de enfermagem funcionava em um espaço isolado dentro do pavimento. De acordo com a secretária municipal de Saúde, Rosa Iamarino, os espaços receberam melhoramentos e obras adequados às exigências dos conselhos nacionais de enfermagem e de medicina e representam um enorme avanço para a qualidade dos serviços prestados à população.

Os investimentos de quase R$ 4 milhões feitos pelo município com recursos estaduais proporcionaram a recuperação e modernização do terceiro piso. Anteriormente, o setor se encontrava em condições inadequadas de conservação e, por consequência, de atendimento ao público itapirense. Em alguns pontos, a falta de manutenção vinha acarretando sérios problemas, com a ocorrência de ferrugem e de equipamentos quebrados, por exemplo.

 


Comentários