Informações Agrishow 2022 – Boletim 6

Novas tecnologias para otimização dos sistemas de irrigação no campo estão na Agrishow 2022 

Nesta quarta-feira, dia 27 de abril, às 14h00, a ABIMAQ promove uma coletiva de imprensa virtual (e presencial para os jornalistas que estão na Agrishow) para divulgar o desempenho do setor de bens de capital mecânicos referente ao mês de março de 2022 

As empresas da área de irrigação prepararam para a Agrishow 2022 – 27ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, que vai até sexta-feira, dia 29 de abril, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, uma série de novidades. E, as expectativas para a realização de negócios também são positivas.

O grupo Bauer espera aumentar em 30% as exportações para países da América Latina, como a Argentina. A aposta do setor de vendas é na automatização da irrigação dos pivôs. O gerenciamento das áreas irrigadas é possível graças à tecnologia da Irricontrol. Em uma área com 20 pivôs, por meio de um celular conectado à internet, o produtor rural realiza o controle de todos os equipamentos, o tempo de irrigação, o melhor horário e o custo da bandeira tarifária. O sistema de irrigação é controlado utilizando telemetria e gestão de automação. “A nossa tecnologia é um controlador que junto com a plataforma integrada (Nexus) automatiza qualquer pivô de marca ou modelo. É uma versatilidade para o fazendeiro que do celular consegue ligar e desligar, fazer alertas em caso de paradas inesperadas dos pivôs”, relata Helton Franco, diretor de inovação e tecnologia da Bauer. 

A israelense Netafim espera faturar R$ 20 milhões na Agrishow 2022, com o novo sistema de harmonização de grãos, que permite aos produtores aproveitarem melhor as áreas das bordas onde já tenha sistema de irrigação. “Geralmente são áreas de sequeiro onde o pivô não irriga, nestes pontos são instalados o sistema de gotejo. O produtor pode conseguir até uma terceira safra na área total implantando o gotejamento na lavoura”, disse William Roberto Damas, coordenador agronômico da Netafim.    

Outra novidade é a utilização do pivô central como suporte para iluminação artificial apresentado pelo Grupo Fienile na Agrishow 2022. A técnica, chamada de suplementação luminosa, utiliza a luz para estimular a fotossíntese, reduzir o uso de fungicida e compensar ou substituir a baixa disponibilidade de luz natural e irrigação em determinadas regiões e culturas. “Não é apenas luz, é a luz correta, dimerizada e na frequência apropriada”, explica Gustavo Grossi, CEO do Grupo Fienile.   

Coletiva de Imprensa da ABIMAQ acontece na quarta-feira, dia 27 de abril 

No próximo dia 27 de abril, quarta-feira, a partir das 14h, a ABIMAQ divulgará por meio da plataforma  ZOOM  o desempenho do setor de bens de capital mecânicos referente ao mês de março de 2022, excetuando-se os jornalistas que estão presentes na AGRISHOW 2022, que poderão participar da coletiva no Estande das Entidades Realizadoras da feira. 

Para os jornalistas que assistiram à coletiva de imprensa online, o link da transmissão da coletiva será enviado após confirmação de participação. 

Solicitamos a especial gentileza de confirmar sua presença pelo telefone (11) 5582-6482 ou pelos e-mails: imprensa@abimaq.org.br ou imprensa02@grupovervi.com.br

Setor sucroalcooleiro tem pesquisas de inovação para aumento da produtividade

 Para combater o gargalo da produtividade do setor sucroalcooleiro, o CTC (Centro de Tecnologia Canavieira) tem focado num programa de melhoramento que consiste em pesquisas e ações de expansão da produção. Aumento da produtividade por meio de melhoramentos convencionais e de biotecnologia (modificação genética) são as principais armas do setor.

Quem deu detalhes sobre as pesquisas desenvolvidas há décadas pela instituição, com apoio de parceiros no Brasil e nos EUA, foi Suleiman Hassuami, engenheiro mecânico pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), que desenvolve tecnologia há mais de 20 anos para a indústria canavieira. “Inovar é fundamental para o setor continuar sendo a potência que é”, disse Hassuami, na palestra que proferiu nesta terça-feira (26), na Arena do Conhecimento, na Agrishow 2022 – 27ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação. A cana-de-açúcar movimenta R$ 20 bilhões no Brasil, que é o maior produtor do planeta (produz de 30 a 40% da cana e mais da metade do açúcar do mundo), gerando mais de 800 mil empregos diretos.

Suleiman explicou que, na década de 1990, e com a expansão da cana para outras áreas de solo menos propício, houve uma queda na produtividade, embora tenha ocorrido um aumento no número de usinas de 2008 para cá. Assim, a expansão da produtividade vem sendo trabalhado pelo CTA com projetos de biotecnologia. Um exemplo são as sementes modificadas, mais resistentes aos novos solos e herbicidas. Em 2017, o CTC lançou a primeira variedade de sementes transformadas geneticamente, o que se traduz na primeira cana transgênica do mundo.

Abaixo, segue a programação das coletivas das empresas integrantes do Pool de Imprensa da Agrishow, com os respectivos locais.

Mais informações:

AGRISHOW 2022 – 27ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação

Data: 25 a 29 de abril

Local: Rodovia  Antônio  Duarte Nogueira, Km 321 – Ribeirão Preto (SP)

Horário: das 8h às 18h
www.agrishow.com.br

  

Comentários