fbpx

Livro digital terá renda revertida para o Boldrini

Divina Providência é o título do livro digital que mostra, pela ótica de um pai, o que é o tratamento da leucemia numa postura de fé que traz como única opção o sucesso. O autor Sérgio Martins relata de forma positiva a própria história, quando tratou o filho Maurício no Centro Infantil Boldrini. O ebook será publicado pela Amazon e disponível para aquisição a partir do dia 7 de outubro. Toda a renda com a venda do livro será repassada ao Boldrini.

O ebook será publicado pela Amazon e disponível para aquisição a partir do dia 7 de outubro

O ebook será publicado pela Amazon e disponível para aquisição a partir do dia 7 de outubro

O personagem principal desta história, o campineiro Maurício Martins, 28 anos, hoje trabalha com edição de vídeos e fotografia no Rio de Janeiro. Começou o tratamento de leucemia quando tinha 4 anos. Diz lembrar-se de muita coisa daquela época, das consultas, as internações, do restaurante, da brinquedoteca que era muito menor, das inúmeras vezes que fez coleta de sangue, das sessões de quimioterapia e de perder o cabelo. “Mas nada disso foi tão ruim como pode parecer. Para mim era algo normal, eu não tinha noção do que representava a doença. Graças ao apoio de todos no hospital e de toda a minha família, diria que 90% das lembranças são positivas. Fiz até um amigo, com quem trocava figurinhas. Nossa relação durou pouco, pois algum tempo depois ele recebeu alta e nunca mais o vi. Mas lembro dele até hoje, como se fosse um presságio de que eu estaria indo para casa, curado como ele, algum dia.”

O texto do livro trata de um assunto delicado de maneira extremamente positiva, e tem como objetivo servir de referência para quem passa por problema similar. “Primeiramente, escrevi e não publiquei, um conto onde falava somente de doação de plaquetas pelo procedimento de Aférese. Depois ampliei o texto e fiz o relato de todo o processo de tratamento, limitado a 6000 caracteres para atender a exigência de um concurso. Depois reescrevi algumas partes e acrescentei outras resultando no texto atual, diz Sérgio”.

No livro, o autor conta que “a participação da mãe é de dedicação exclusiva e o pai faz de tudo para colaborar, mas é parcialmente ausente por precisar trabalhar. Para compensar, tenta contribuir de toda forma possível. Para a criança em tratamento, a presença e a harmonia da família criam um ambiente favorável para minimizar o sofrimento causado pelas picadas, quase que diárias, e as alterações causadas pelos medicamentos. Os parentes próximos também contribuem muito, principalmente os irmãos e os avós”.

Segundo Sérgio, o mais dramático foi receber o diagnóstico da doença porque ele já tinha na família um caso de uma prima que havia falecido por causa da leucemia. “Havia muito pouca informação, mesmo os médicos da família estavam bem desatualizados sobre o assunto. Depois, durante o tratamento, o paciente contrai diversas doenças por estar com a imunidade comprometida e foram situações de internação prolongada bastante preocupantes.”

O ebook Divina Providência tem 35 páginas e será publicado pelo sistema KDP (Kindle Direct Publishing) e oferecido no mundo todo. Quem não tiver o leitor Kindle pode baixar o aplicativo de leitura gratuito. O autor receberá royalties por cada livro vendido, que serão transferidos integralmente para o Boldrini com base em relatórios periódicos de venda que a Amazon fornece ao autor. O livro será vendido pelo valor aproximado de 10 reais.

SÉRGIO MARTINS
Empresário, engenheiro formado pela PUC Campinas com pós-graduação pela Unicamp. Trabalhou por 18 anos na indústria, a maior parte na Cobrasma, em Hortolândia. Também atuou como autor de histórias em quadrinhos. Tem dois outros livros publicados pela Amazon: Minicontos do Tião – volumes 1 e 2.

CENTRO INFANTIL BOLDRINI
Maior hospital especializado na América Latina, localizado em Campinas, que há 37 anos atua no cuidado a crianças e adolescentes com câncer e doenças do sangue. Atualmente, o Boldrini trata cerca de 10 mil pacientes de diversas cidades brasileiras e alguns de países da América Latina, a maioria (80%) pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Um dos centros mais avançados do país, o Boldrini reúne alta tecnologia em diagnóstico e tratamento clínico especializado, comparáveis ao Primeiro Mundo, disponibilidade de leitos e atendimento humanitário às crianças portadoras dessas doenças. www.boldrini.org.br.

  

Comentários