Mogi Guaçu inaugura Farmácia de Todos

Atendimento terá início na próxima segunda

Foi inaugurada neste sábado, dia 16 de outubro, a Farmácia de Todos, unidade que atuará como banco de medicamentos instituído por meio da Lei Municipal nº 5.476/2021 e implementado através de parceria entre a Prefeitura, a Câmara Municipal, a Faculdade Municipal Professor Franco Montoro e as Faculdades Integradas Maria Imaculada (FIMI). Uma solenidade foi realizada nas dependências das FIMI, onde a farmácia está instalada e começa a atender a população a partir da próxima segunda-feira (18).

O prefeito Rodrigo Falsetti, o vice-prefeito major Marcos Luís Tuckumantel, os vereadores Natalino Tony Silva, autor da lei que instituiu o Banco de Medicamentos, Adriano Luciano Rodrigues e Judite de Oliveira estiveram presentes, além de autoridades de municípios da região, secretários municipais e representantes das faculdades.

“Doar é o Melhor Remédio” é o slogan da Farmácia de Todos, que começou a ser idealizada em junho desse ano, quando o projeto foi aprovado pelos vereadores. De lá para cá, os responsáveis pela iniciativa angariaram parceiros e o Banco de Medicamentos está abastecido para começar a atender a população de Mogi Guaçu, principalmente os mais carentes. Muitos dos remédios disponíveis não são fornecidos pelo Sistema Único de Saúde.

“É um projeto que vai atender a população de Mogi Guaçu e será um atendimento humanizado. A nossa preocupação é que a pessoa use da melhor forma o medicamento e, por isso, montamos um consultório farmacêutico para esse atendimento. Teremos uma farmacêutica no local e nossos estagiários do curso de Farmácia que estarão nesse projeto”, comentou a coordenadora do curso de Farmácia das FIMI, Danyelle Cristine Marini.

O autor do projeto, o vereador Natalino, destacou o empenho dos parceiros e o apoio do prefeito para que o Banco de Medicamentos saísse do papel. “Com a ajuda de todos estamos inaugurando a Farmácia de Todos em quatro meses e os benefícios que esse projeto trará para a população são imensos. Vamos ajudar a aliviar a dor de quem não tem condições de comprar um medicamento, pois a Farmácia de Todos vai ajudar quem mais precisa, em especial as pessoas em vulnerabilidade social”, destacou ao agradecer o empenho do diretor das FIMI, Romildo Morelato Júnior.

O prefeito Rodrigo Falsetti voltou a falar sobre a importância do trabalho em conjunto entre o Legislativo e o Executivo. “O Legislativo tem que caminhar junto com o Executivo e temos uma Câmara que tem empatia”, ressaltou em seu discurso. “Foi um trabalho em quatro mãos e o objetivo foi atingido. A gente governa para todos, mas em especial para quem mais precisa. Tenho andado muito pela cidade e conheço a realidade de muitas famílias, sendo muitas delas em dificuldades. Por isso, é preciso ter empatia e o nosso governo gosta de gente”, salientou o chefe do Executivo.

A Farmácia de Todos irá funcionar em uma sala nas dependências das Faculdades Maria Imaculada, no Centro, de segunda à sexta-feira no período das 8h às 11h30 e das 12h30 às 17h, sendo que na sexta-feira o encerramento acontece uma hora mais cedo, às 16h. O interessado deverá fazer um cadastro no local e, por isso, a orientação é que leve comprovante de endereço e documentos pessoais. Os medicamentos só serão disponibilizados aos moradores de Mogi Guaçu e com receita médica.

A unidade, além do fornecimento, recebe doações. Remédios em comprimidos, mesmo que sejam sobras na cartela, poderão ser doados, mas deverão estar na embalagem original a fim de que a data de validade seja verificada.

 

  

Comentários