Passarela será construída sobre Linha Férrea na região do Cruzeiro do Sul

O prefeito de Jaguariúna, Gustavo Reis, anunciou na tarde de quarta-feira, 25 de julho, a construção da passarela sobre a linha férrea na região do Cruzeiro do Sul. Esse era um pedido antigo de moradores dos bairros do entorno, diante de situações de vulnerabilidade e insegurança.

O anúncio ocorreu na empresa Maxlav que tem cerca de 350 funcionários, sendo que boa parte deles será beneficiada com a medida, já que muitos moram de um lado da linha do trem e trabalham do outro. “Nossa ideia é de fato trazer mais conforto a essas pessoas e principalmente segurança viária para a travessia. Com a passarela, ainda vamos conseguir melhorar a segurança pública, com revitalização do espaço”, destacou o prefeito.

Trabalhadoras do local aplaudiram a medida, como o caso de Elisabete Ramos da Silva que mora no conjunto habitacional Jaguariúna I. “Hoje é muito difícil ir e voltar do trabalho, porque acabo tendo que dar uma volta grande ou então atravessar pela linha do trem mesmo. Confesso que fico com medo e essa ação da prefeitura vem nos dar um alívio e muita expectativa. Vai melhorar muito para gente.”

As obras da passarela já devem ser iniciadas neste mês de agosto, com previsão de conclusão até o final de 2018. O espaço é administrado pela concessionária VLI Logística  que será a responsável pela execução e também pelos investimentos de mais de R$ 1,4 milhão. O processo é acompanhado pela prefeitura de Jaguariúna, por meio das Secretarias de Planejamento Urbano e de Obras e Serviços Urbanos.

O responsável pela pasta de Planejamento, Rômulo Augusto Arsufi Vigatto, considera uma vitória para cidade. “Estamos falando de um problema antigo, que se estendia de outras gestões. É uma grande honra anunciar isso em nossa administração diante do número de pessoas a serem beneficiadas”.

Já o secretário de Obras, Lucas Lopes, reforça a intervenção como um avanço importante para necessidades básicas da população. “É algo que traz benefícios para nossa mobilidade urbana e mais segurança aos nossos munícipes, que estão entre as prioridades do nosso governo. Essa área é um dos maiores gargalos da cidade e é muito gratificante ver a solução saindo do papel.”

  

Comentários