Secretaria da Educação de Mogi Mirim firma parceria visando recuperação das defasagens no período de pandemia

A Secretaria de Educação (Seduc) de Mogi Mirim firmou parceria com a Parceiros da Educação, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) que atua na área. O trabalho visa a recuperação e aprofundamento das aprendizagens junto às equipes das Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs).

O projeto integra as ações da Seduc em meio à fase de ensino remoto e no planejamento da retomada do modo presencial. No dia 25 de março deste ano, houve a primeira reunião, realizada de forma on-line, entre as equipes da Parceiros da Educação, da Seduc e demais membros da Administração Municipal, incluindo o prefeito Paulo de Oliveira e Silva.

Neste encontro, foram apresentados os objetivos da parceria, a configuração das formações e o material de apoio a ser utilizado. Após este contato, foram realizadas outras reuniões para alinhamento das ações, preparação do cronograma e organização dos grupos em horário de trabalho (coordenadores pedagógicos, diretores e/ou vices) ou em Horário de Atividade Pedagógica Complementar (HAPC), como professores, diretores e/ou vices.

Em maio, teve início as reuniões de formação com as equipes diretivas das EMEBs e as formações com os professores em HAPC. Estas ações ocorrerão até o mês de novembro, na frequência de duas reuniões por mês, para cada grupo.

___________________________ Continua após a propaganda

As formações discorrem nas áreas de Língua Portuguesa e Matemática, de forma on-line e combinando diversas estratégias didáticas: exposição teórica, disponibilização de materiais de apoio via Google Classroom (textos, vídeos, etc), participação em fóruns específicos, atividades síncronas e assíncronas e propostas de reflexão e atuação junto aos alunos.

O material de apoio disponibilizado ao aluno é o livro do programa Aprender Sempre, elaborado e produzido pela Secretaria de Educação do Governo de São Paulo, para apoiar a aprendizagem dos estudantes durante o período de atividades não presenciais.

“Esta parceria tem se demonstrado de fundamental importância para o momento tão desafiador que a Educação vem enfrentando. As propostas de formação dos profissionais e de recuperação das defasagens de aprendizagem apresentadas pelos alunos, neste tempo de pandemia, são, com certeza, urgências prioritárias no trabalho da Seduc, visando a possibilidade de continuar garantindo uma educação de qualidade”, destacou a secretária Ana Lúcia Bueno Peruchi.

Os alunos ainda integrarão uma avaliação diagnóstica prevista para ser realizada logo que as aulas presenciais retornarem. Participarão, deste levantamento, alunos do 1º ao 9º ano.

  

Comentários