Bares e restaurantes tiveram saldo de 3.741 novos empregos na Região Metropolitana de Campinas em 2022

Campinas, 15 de fevereiro de 2023 – Além de porta de entrada para o empreendedorismo e gerador de renda para as famílias, o setor de alimentação fora do lar também figura entre os principais criador de empregos no Brasil. No ano passado foram abertos mais de 115 mil novos postos de trabalho no país, segundo os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com base no Novo Caged. Somente na Região Metropolitana de Campinas (RMC), bares, restaurantes e similares abriram 3.741 novos empregos com carteira assinada no ano passado.

 

Matheus Mason, presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) Regional Campinas, vê como positivo o número de novos empregos registrado ao longo de 2022. “Vem reforçar a importância do setor de alimentação fora do lar para a economia e na geração de vagas, desde o profissional capacitado até aqueles que buscam pelo primeiro emprego.”

 

“O setor de alimentação fora do lar ficou entre as atividades que mais abriram vagas novas no país no ano passado. E também entre as primeiras que tiveram saldo positivo, com variação relativa de 9,96%, bem acima da média no país, que foi de 5,01%”, acrescenta.

 

Para se ter uma ideia da importância do setor, ele lembra que os dados do IBGE mostram que o segmento terminou o ano passado com um estoque de 35.504 empregos nos 20 municípios que integram a Região Metropolitana de Campinas.

 

As profissões que tiveram mais contratações no país no setor no ano passado foram atendente de lanchonete (45.193) e cozinheiro geral (36.828). Segundo o presidente nacional da Abrasel Paulo Solmucci, a maioria das vagas criadas no setor é o chamado primeiro emprego, que dá chance a jovens de entrar no mercado de trabalho e crescer – e muitos acabam também abrindo depois o próprio negócio.

  

Comentários