Câmara de Mogi Guaçu aprova reestruturação administrativa e município ganha mais 3 secretarias

A Câmara aprovou a proposta de reestruturação administrativa apresentada pelo prefeito Rodrigo Falsetti (Cidadania) na sessão desta terça-feira, 11. Entre as principais alterações, estão a criação de três novas secretarias e a extinção de 146 cargos de comissão com a consequente criação de 98 cargos.

As novas pastas são Relações Institucionais e Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Turismo. O município conta agora com 18 Secretarias Municipais.  É importante ressaltar que a criação das novas secretarias, de acordo com a Administração Municipal, não representa aumento de custos aos cofres municipais

A justificativa para a criação destas três novas secretarias por parte da Prefeitura é que a partir delas haverá uma mudança importante no sentido de promover, com mais efetividade, o avanço da atividade turística, a ampliação da participação da tecnologia na administração municipal e a retomada do progresso aliada ao estreitamento de relacionamento com entes externos nas áreas pública e privada.

De acordo com a Prefeitura, a escolha de nomes para assumir as novas secretarias está sendo feita, sem prazo para preenchimento, e está preservando o critério técnico adotado pela administração de Falsetti para nomeações no primeiro escalão. A intenção é que com os novos nomes, as secretarias sejam capazes de buscar e atrair novos investimentos, empregos e recursos para melhorias em diferentes setores.

Houve também a extinção de 146 cargos de comissão e, com a criação das novas secretarias, outros 98 cargos foram abertos. Desta forma, a Prefeitura economizará R$ 800 mil até 2023, o que de acordo com a Administração Municipal é uma economia importante durante este período de escassez de recursos.

O objetivo de todas estas mudanças é aproveitar a reestruturação para atualizar e adequar o governo a este novo momento, o tornando mais conectado com o momento atual do município.

  

Comentários