Conselho do Idoso realiza conferência

O CMI (Conselho Municipal do Idoso) de Itapira realiza na próxima sexta-feira, 29, a Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Itapira que traz como tema “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”. O evento acontece das 08h00 às 16h00 no Auditório da Guarda Mirim, situado à Rua Firmino Vieira da Silva Campos, 155, Vila Boa Esperança, e é aberto a toda população.

Conforme destaca o presidente do CMI, Vinícius Assugeni Sobreiro Dias, o objetivo central da conferência é discutir os rumos das políticas públicas para a pessoa idosas nas esferas municipal, estadual e federal. “Além da oportunidade de mostrar os serviços que já são ofertados, a conferência nos permite provocar os participantes a sugerirem novas propostas para essa parcela da população nas três esferas de governo, tomando como base os eixos de discussão”, afirmou.

A partir das 8h00 os participantes farão o credenciamento e a abertura acontece às 9h00 com a formação da mesa e apresentação do Coral Vida Mais. Logo em seguida, às 9h30 tem início o ciclo de palestras com a discussão dos eixos temáticos: Eixo 01 – Direitos fundamentais na construção/ efetivação das políticas publicas. Subeixos: Saúde, Assistência Social, Previdência, Moradia, Transporte, Cultura, Esporte e Lazer; Eixo 02 – Educação: assegurando direitos e emancipação humana; Eixo 03 – Enfrentamento da violação dos direitos humanos da pessoa Idosa; e Eixo 04 – Os conselhos de Diretos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas.

Às 12h00 haverá intervalo para o almoço e os participantes retornam às 13h00 com a apresentação de dança do Vida Mais e formação dos grupos de trabalho. Depois da plenária, programada para às 15h15, haverá a eleição dos delegados e encerramento.

“A expectativa do CMI é das melhores. Esperamos por uma boa adesão dos idosos, dos profissionais e representantes dos serviços voltados à terceira idade do município para que juntos possamos fomentar a discussão das políticas públicas voltadas a esse público e colher excelentes propostas de ações”, concluiu Dias.

  

Comentários