Educação especial recebe o Projeto Judô

Uma parceria entre as secretarias de Educação e Esporte de Artur Nogueira permitiu que o Projeto Judô fosse ampliado para a Educação Especial.  Agora, os alunos do Centro de Referência em Atendimento à Educação Especial (CRAEE) recebem aulas de judô, e poderão desenvolver ainda mais suas habilidades físicas, psíquicas e sociais.

Desde 2011, o projeto atende centenas de crianças e adolescentes da rede pública nogueirense, onde instrutores trabalham a prática segura e consciente de atividades esportivas. A secretária de Educação Débora Sacilotto destaca que a ampliação do projeto ao CRAEE promoverá ainda mais qualidade de vida para os alunos atendidos no Centro, já que o esporte é uma ferramenta de inclusão e transformação social.

“Com professores sensíveis para receber e acolher nossos pequenos campeões, a iniciativa proporcionará inclusão e ainda mais desenvolvimento/aprendizado às crianças da Educação Especial. O professor Rodolpho ajuda muito a gente, e é extremamente preocupado com o desenvolvimento das crianças. Não temos palavras para agradecer ao apoio que a secretaria de Esportes tem nos dado”, frisou Débora.

Habilidades trabalhadas

O sensei Rodolpho Lavoura está a frente do projeto, e explica que o judô é muito conhecido por ser uma modalidade olímpica que sempre trouxe medalhas ao Brasil. No entanto, ele frisa que o judô competitivo é apenas uma pequena parte desse universo. Isso porque, originalmente, a modalidade foi criada como um sistema educacional com o objetivo de desenvolver as habilidades físicas, psíquicas e sociais, tornando-se uma valiosa ferramenta de transformação.

“Desde o início do nosso Projeto, em 2011, o objetivo era desenvolver o judô nas escolas. Até o início da pandemia, conseguimos trabalhar o judô em seis escolas municipais. Nossos melhores resultados foram relacionados à valores como respeito, responsabilidade e autonomia. Também observamos a evolução do repertório motor e controle emocional dos alunos que praticam o judô a médio/longo prazo”, comentou Lavoura.

O secretário de Esportes Caio Rodrigues também destaca a importância da prática esportiva para o bom desenvolvimento da criança. “O Judô ajuda a melhorar o condicionamento físico, já que a atividade envolve golpes que trabalham todos os músculos, como das pernas, braços e abdômen, além de auxiliar no ganho de massa magra, força, agilidade, resistência, flexibilidade e expressão corporal. As crianças atendidas no CRAEE desenvolveram habilidades que só o esporte é capaz de desenvolver, principalmente na saúde mental”, pontuou.

  

Comentários