fbpx

Expo Fight recebe alunos de Jaguariúna

Nos dias 4, 5 e 6 de Março, a cidade de Paulínia sediou a 1ª Expo Fight, o maior evento de Lutas simultâneas e exposição de empresas do segmento esportivo e artes marciais. A Expo Fight tem como objetivo ampliar a visibilidade das modalidades de luta e conta com campeonatos amadores e profissionais de Calistenia, Funcional de alta intensidade, Jiu Jitsu, Muay Thai, MMA Amador e Submission com diversas premiações.

Os campeonatos ocorreram simultaneamente com exposições, cursos, seminários, palestras e apresentações de: Capoeira, Kung Fu, Judô, Ballet, Hip Hop, Calistenia, Zumba, Batle of the Bars e Funcional de Alta Intensidade oferecendo um grande espetáculo aos visitantes, ao todo, mais de 1500 atividades foram realizadas. E na área de alimentação, o evento contou com 20 Food Trucks dos mais variados estilos, mesas e cadeiras em espaço coberto, apresentações musicais de bandas da região e espaço Kids com monitor.

A área de exposições recebeu 40 expositores dos mais variados segmentos: fitness, lutas, suplementos, moda, fabricante de equipamentos, entre outros. Um espaço especial para cursos, palestras e seminários sobre temas como arbitragem, defesa pessoal, nutrição, preparação física e fisioterapia foi preparada exclusivamente para a Expo Fight.

Atletas da Budô

Através do apoio dos pais, da escola Budô e do VidAtiva, os bolsistas da Escola Budô, Leonardo Albino, Infanto-Juvenil B faixa amarela e Sérgio Martins da Silva, Infantil B faixa branca, puderam participar do evento e trouxeram para casa a medalha de ouro. Leonardo, que já está na idade em que o campeonato é mais concorrido e difícil, fez duas lutas incríveis, inclusive contra um atleta mais graduado. Sérgio lutou bravamente, demonstrando coragem e ânimo na competição, na qual testou sua capacidade. Com apenas seis meses de treino se aventurou em seu segundo campeonato.

O professor, Arlindo Baião Junior, acompanhou os alunos desde o começo dos treinos e se diz satisfeito com o resultado. “Fiquei muito contente e orgulhoso do resultado do Leo e do Sergio. Eu passei toda minha adolescência competindo Jiu-Jitsu e sei o quanto é difícil superar o nervosismo, as incertezas, as adversidades”, ressaltou.

A metodologia que desenvolvemos na escola Budô tem como base o vasto leque de movimentações e habilidades motoras oferecidas pelas artes marciais Judô e Jiu-Jitsu, contando com a filosofia e fundamentos destas artes milenares como respeito, hierarquia e disciplina e com a didática e metodologia proveniente dos conhecimentos da Educação Física. Esse tripé tem sido extremamente eficiente pensando no processo de ensino, vivência e aprendizagem dos alunos, reforçando valores como amizade, autodeterminação, autoconfiança, entre outros, que proporcionam aos alunos uma prática prazerosa e divertida, criando gosto pela arte marcial.

O professor, Wagner Barbosa, participou ativamente do treinamento dos atlestas no último mês e vibrou com a conquista. “Os alunos Leo e Sérgio são merecedores de suas conquistas, devido ao comprometimento, dedicação e disciplina que eles têm nas aulas. Estou muito orgulhoso pela conquista e também por fazer parte desse projeto maravilhoso do VidAtiva”, afirmou.

Alba Iara Cae Rodrigues

  

Comentários