fbpx

Festival de Inverno terá música eletrônica e sessão de cinema nesse fim de semana

Oficinas e workshops de artesanato, exposição de arte, números de malabarismo, slack-line e muita música eletrônica prometem divertir o público jovem nesse sábado, dia 15 de julho, durante a primeira edição do Who Festival, na Praça dos Pioneiros. O evento, que acontece das 16h às 22h, integra a programação do Festival de Inverno da cidade.

Entre as atrações musicais do evento estão os DJs Kadosch, de São Paulo; Danilo, de Jaguariúna; e os holambrenses Marcos Eduardo, D’Weet, Lucas, Caio e Danilo Amâncio.

Encabeçado por um grupo de jovens com apoio da Prefeitura, a iniciativa pretende reunir em um só local grande diversidade de manifestações culturais com apelo contemporâneo, garantindo diversão e acesso a novas expressões culturais ao público presente.

A diretora municipal de Turismo e Cultura, Alessandra Caratti, enfatiza que o Who Festival é uma ação “multicultural” que reforça projetos que já vêm acontecendo ao longo dos últimos anos. “Através desse evento os jovens artistas da cidade estão criando uma identidade para fortalecer e dar visibilidade à arte em suas mais diversas vertentes”, afirmou.

É a arte que deverá reunir, segundo Giovane Pereira, um dos organizadores, pessoas de diferentes tribos que partilham o apreço pela diversidade cultural.

“Teremos uma mostra de desenhos do artista plástico Vinícius dos Anjos, oficina de filtro dos sonhos com a Vivere e muitas outras atrações bem legais para jovens de todas as idades”, disse.

Durante o evento serão recolhidas doações de alimentos não-perecíveis e agasalhos em bom estado que serão destinados ao Fundo Social de Holambra.

Domingo de Cinema no Imigrantes
A Praça dos Imigrantes, próxima à caixa d’água do bairro, sediará no domingo, 16 de julho, nova edição do projeto Cinema na Praça, também parte do Festival de Inverno.

A sessão, gratuita e aberta para moradores de todas as idades, exibirá a partir das 19h30 o filme “O Bom Dinossauro”, lançado pela Disney Pixar no início do ano passado.

O longa, produzido em animação, é ambientado em um mundo alternativo em que dinossauros não foram extintos pela colisão de um gigantesco asteroide com a Terra. Ele conta a história de Spot, um jovem menino que mantém uma inesperada relação de amizade com o dinossauro Arlo em um planeta dominado por essas criaturas.

Matéria: ASCOM

  

Comentários