Governo anuncia avanço do interior para Fase Amarela no Plano São Paulo

Na manhã desta sexta-feira, 7, o Governo do Estado de São Paulo confirmou que a região de Campinas – vai avançar da fase 2 – laranja para a fase 3 – amarela do Plano de São Paulo, que define as regras da reabertura gradual dos serviços durante a pandemia do novo coronavírus.

Segundo o governo estadual, tanto o Departamento Regional de Saúde 7 (DRS-7), que inclui Campinas, Águas de Lindóia, Americana, Amparo, Arthur Nogueira, Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Cabreúva, Campo Limpo Paulista, Cosmópolis, Holambra, Hortolândia, Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jaguariúna, Jarinu, Joanópolis, Jundiai, Lindóia, Louveira, Monte Alegre do Sul, Monte Mor, Morungaba, Nazaré Paulista, Nova Odessa, Paulínia, Pedra Bela, Pedreira, Pinhalzinho, Piracaia, Santa Barbara D’Oeste, Santo Antônio de Posse, Serra Negra, Socorro, Sumaré, Tuiuti, Valinhos, Vargem, Várzea Paulista e Vinhedo.

A DRS-14 de São João da Boa Vista, também passou para a Fase -3, evoluíram à fase amarela. AGUAÍ, ÁGUAS DA PRATA, CACONDE, CASA BRANCA, DIVINOLÂNDIA, ESPÍRITO SANTO DO PINHAL, ESTIVA GERBI, ITAPIRA, ITOBI, MOCOCA, MOGI GUAÇU, MOGI MIRIM, SANTA CRUZ DAS PALMEIRAS, SANTO ANTÔNIO DO JARDIM, SÃO JOÃO DA BOA VISTA, SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, SÃO SEBASTIÃO DA GRAMA, TAMBAÚ, TAPIRATIBA, VARGEM GRANDE DO SUL.

DRS – 10 de Piracicaba também passou para fase 3. ÁGUAS DE SÃO PEDRO, ANALÂNDIA, ARARAS, CAPIVARI, CHARQUEADA, CONCHAL, CORDEIRÓPOLIS, CORUMBATAÍ, ELIAS FAUSTO, ENGENHEIRO COELHO, IPEÚNA, IRACEMÁPOLIS, ITIRAPINA, LEME, LIMEIRA, MOMBUCA, PIRACICABA, PIRASSUNUNGA, RAFARD, RIO CLARO, RIO DAS PEDRAS, SALTINHO, SANTA CRUZ DA CONCEIÇÃO, SANTA GERTRUDES, SANTA MARIA DA SERRA, SÃO PEDRO.

Com o avanço, bares, restaurantes e praças de alimentação podem voltar a funcionar para consumo local a partir da publicação do decreto de cada Prefeitura, com as regras e restrições.

A terceira fase, chamada pelo governo estadual de flexibilização, permite a abertura do comércio por seis horas diárias e amplia a capacidade de atendimento de 20% para 40%. Além disso, libera o funcionamento de salões de beleza, cabeleireiros, manicure e pedicure.

  

Comentários