Holambra registra 76 novos casos de Covid-19 ao longo da semana e confirma a 16ª morte

Dados divulgados pelo Departamento Municipal de Saúde de Holambra nesta quinta-feira, dia 6 de janeiro, revelam o registro de 76 casos de Covid-19 em Holambra ao longo dos últimos 7 dias. Uma nova morte também foi confirmada. A cidade contabiliza, desde o início da pandemia, 2.245 casos e 16 óbitos. Neste momento 20 pessoas aguardam, em isolamento domiciliar, o resultado de exames. O bairro Imigrantes soma 626 confirmações, seguido do Centro com 208 e do Groot com 204 registros. A 16ª vítima da doença na cidade é um homem de 68 anos, que possuía comorbidades e morreu em 16 de dezembro. Morador do bairro Imigrantes, ele estava internado em um hospital de Osasco. “No último boletim tivemos 9 casos confirmados em uma semana. Saltamos agora para 76 no mesmo período. É preciso que a população entenda que a pandemia não acabou. Há uma nova variante em circulação no país e, além disso, estamos enfrentando um surto do vírus Influenza, da gripe”, explicou o diretor municipal de Saúde, Valmir Marcelo Iglecias. “É fundamental que todos façam a sua parte para que a situação não se agrave ainda mais. Reforço que o uso de máscara de forma correta, o distanciamento social e a higienização das mãos de forma frequente precisam ser mantidos”, disse ele. Valmir orienta ainda que quem apresentar sintomas gripais leves deve ir até a unidade de saúde mais próxima de casa. Pessoas que apresentarem sintomas como febre alta, dor de cabeça e dificuldade para respirar devem procurar o atendimento de urgência e emergência na Policlínica Municipal. Dose de reforço O diretor do Departamento Municipal de Saúde explicou ainda que o recebimento da 3ª dose da vacina contra a doença é de extrema importância. Segundo ele, 3.800 holambrenses já podem tomar o reforço e ainda não procuraram o posto para receber o antígeno. Estão aptos para a 3ª dose moradores acima de 18 anos que tomaram o complemento há, pelo menos, 4 meses. No caso dos imunossuprimidos o prazo é menor: 28 dias. A aplicação ocorre às quartas e sextas-feiras no Salão da Terceira Idade das 8h às 12h e entre 13h e 15h, sem necessidade de agendamento. Até o momento, 91,6% dos holambrenses já receberam a 1ª dose da vacina. 86,99% tomaram as duas doses ou o antígeno de dose única e 22,7% receberam o reforço do imunizante.

  

Comentários