ICMS em Artur Nogueira volta a crescer e supera R$ 24 milhões

O Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS) rendeu aos cofres públicos municipais, mais de R$ 24 milhões de reais, entre os meses de janeiro e dezembro deste ano. O valor representa uma recuperação na tributação em Artur Nogueira, após uma ligeira queda nos índices no primeiro ano da pandemia do novo coronavírus.

A arrecadação ainda não é consolidada e deve aumentar até o final do mês de dezembro. Com os primeiros repasses do ICMS na primeira quinzena, o valor tributado supera 21,20% do montante repassado pelo governo estadual aos cofres do município no mesmo período.


Foram R$ 24.259.327,20 (Vinte e quatro milhões, duzentos e cinquenta e nove mil, trezentos e vinte e sete reais e vinte centavos) contra R$ 20.011.435,04 (Vinte milhões, onze mil, quatrocentos e trinta e cinco reais e quatro centavos).

Em 2020, o valor arrecadado de Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS), apresentou queda de 1,79% nos índices, que segundo os economistas, foi provocada pelas medidas de combate ao novo coronavírus.A Secretaria da Fazenda e Planejamento do Estado de São Paulo (Sefaz-SP) transferiu até o início do mês de dezembro R$ 33,6 bilhões aos municípios paulistas.

Os valores correspondem a 25% da arrecadação do imposto, que são distribuídos às cidades com base na aplicação do Índice de Participação dos Municípios (IPM) definido para cada cidade.

  

Comentários