Interdição de piscina pública de Holambra em período de férias gera reclamações

O fechamento da principal piscina do complexo aquático público de Holambra durante o período de férias vem gerando protestos de usuários. Após receberem inúmeras reclamações, os vereadores Aparecido Lopes (Cido Urso), Mauro Sérgio(Serjão) e Eduardo da Silva(Pernambuca) visitaram o local na última sexta-feira, dia 13 de janeiro, com o objetivo de conhecer os problemas e cobrar soluções da administração municipal.

Através de contato telefônico, o diretor municipal de esportes, José Roberto Maganha Júnior, informou que o uso da piscina semi-olímpica foi suspenso em função de infiltrações e problemas de elétrica e hidráulica na casa de máquinas que estariam provocando a perda de 40 mil litros de água por semana. Segundo Júnior, as aulas de natação e hidroginástica não foram prejudicadas. Não há previsão para a liberação do local para uso recreativo livre de acordo com o diretor.

O vereador Cido Urso criticou a interdição da piscina durante o período de férias escolares: “É lamentável que um local de lazer que normalmente recebe cerca de 200 pessoas a cada sábado e domingo permaneça fechado durante as férias, principalmente com um verão tão intenso”. Os vereadores afirmaram que continuarão reivindicando junto à prefeitura ações que permitam novamente o uso da piscina pública o mais rápido possível.

dsc_0119

  

Comentários