fbpx

 Jaguariúna é reconhecida oficialmente como Cidade Amiga do Idoso

Foto: Ivair Oliveira

A partir do reconhecimento de Cidade Amiga do Idoso, Jaguariúna passa a compor uma seleta rede global de Cidades Amigas dos Idosos, composta por 520 municípios em 37 países das Américas, Europa, Ásia e Oceania.

Com o título vindo da Organização Mundial de Saúde (OMS), Jaguariúna é reconhecida oficialmente como cidade amiga do idoso. A referência se destina a municípios que desenvolvem ações pelo bem-estar e qualidade de vida de quem já passou dos 60 anos de idade.

A obtenção do título chegou após o município apresentar e comprovar uma série de ações e iniciativas que valorizam a qualidade de vida e o bem-estar da população idosa local. De acordo com a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Andrea Lizun, a união dos gestores sociais do município garante resultados excelentes no tratamento ao idoso.

“O aumento da expectativa de vida em nosso país faz com que a população de idosos torne-se cada vez maior e nossa obrigação é ter na cidade uma estrutura que atenda às demandas deles. Esse esforço acontece por parte de todos os setores da Prefeitura Municipal: Assistência Social, Saúde, Educação, Moradia, Segurança, Transporte, Cultura, Esporte e Lazer”, afirma a secretária.

O reconhecimento acontece no momento em que a expectativa de vida dos brasileiros supera os 75,5 anos, de acordo com o IBGE e as cidades discutem como se preparar para promover o bem-estar e a segurança das pessoas idosas. Até 2050, um em cada quatro brasileiros será idoso (essas pessoas já nasceram e hoje têm mais de 30 anos).

O caminho para esse reconhecimento teve início em 2014, quando foi assinada uma parceria entre o município e o Instituto CPFL, que é uma plataforma de investimento social privado do Grupo CPFL. A parceria é parte do programa social do Instituto CPFL para o apoio do Conselho Municipal do Idoso, e contou com um repasse de R$ 350 mil para a realização de um amplo diagnóstico sobre a população idosa em Jaguariúna.

Uma Conferência só para eles

Em março, a Prefeitura Municipal de Jaguariúna, realizou a II Conferência Municipal do Idoso, com o tema “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”. O prefeito Gustavo Reis, afirma que a cidade está focada na busca dessa promoção e os gestores municipais e seus setores estão conscientes da responsabilidade de todos na transformação do município, tendo em vista as adaptações compatíveis a uma população que vive cada vez mais. “Fico muito feliz e orgulho com mais essa tão importante conquista que Jaguariúna alcança”, disse.

  

Comentários