Jaguariúna terá atividades preventivas e de orientação no dia 14/11 – Dia Mundial do Diabetes

Diabetes é uma doença que muita gente conhece e que, segundo os médicos, requer alguns cuidados para que não haja complicações. Ela é causada pela produção insuficiente ou má absorção de insulina, hormônio que regula a glicose no sangue e garante energia para o organismo. Assim como as demais, também com o diabetes o melhor remédio é a prevenção.

Em Jaguariúna, no próximo dia 14 de novembro, “Dia Mundial do Diabetes”, a Secretaria de Saúde programou uma série de atividades nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) do Nova Jaguariúna, Miguel Martini, da Vila 12 de Setembro, do Fontanella, do Jardim Florianópolis, da Roseira de Cima e da Roseira de Baixo, de Guedes, do Zambon, do Cruzeiro do Sul e também no programa Melhor em Casa, no CAPS. Confira datas, horários e atividades em cada local na tabela abaixo.

A insulina é o hormônio que tem a função de quebrar as moléculas de glicose (açúcar) transformando-a em energia para manutenção das células do nosso organismo. Dessa forma, o diabetes pode causar o aumento da glicemia e as altas taxas podem levar a complicações no coração, nas artérias, nos olhos, nos rins e nos nervos. Em casos mais graves, o diabetes pode levar à morte.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, existem atualmente, no Brasil, mais de 13 milhões de pessoas vivendo com a doença, o que representa 6,9% da população nacional. A melhor forma de prevenir é praticando atividades físicas regularmente, mantendo uma alimentação saudável e evitando consumo de álcool, tabaco e outras drogas.

Comportamentos saudáveis evitam não apenas o diabetes, mas outras doenças crônicas, como o câncer. A causa do tipo de diabetes ainda é desconhecida e a melhor forma de preveni-la é com práticas de vida saudáveis (alimentação, atividades físicas e evitando álcool, tabaco e outras drogas).

Como surgiu o Dia de Prevenção e Combate ao Diabetes

O Dia Mundial do Diabetes, celebrado em 14 de novembro, foi criado em 1991 pela Federação Internacional de Diabetes (IDF) junto à Organização Mundial de Saúde (OMS) para conscientizar o mundo inteiro sobre os problemas associados à doença: alta mortalidade por doenças cardiovasculares (infartos e insuficiência cardíaca), AVC (derrame), complicações específicas da doença, como insuficiência renal, perda da visão, alteração de sensibilidade nos membros inferiores e consequentes úlceras e amputações.

Em 2006, a Organização das Nações Unidas entrou nessa parceria, por meio da resolução nº 61/225, para conscientizar todas as nações do mundo de que o diabetes é, de fato, uma doença epidêmica com impacto social e econômico grave, principalmente entre os países em desenvolvimento. Nasceu, portanto, o Dia Mundial de Diabetes, em 14 de Novembro, apontando para um Novembro Diabetes Azul – a entrada da ONU e a cor azul, simbolizando a bandeira da entidade, deram um peso político incomensurável.

Fonte: https://www.diabetes.org.br/publico/palavra-da-presidente/1872-o-verdadeiro-dia-mundial-do-diabetes

  

Comentários