Máscaras seguem obrigatórias em unidades de saúde

A Secretaria Municipal de Saúde faz um alerta para a população: o uso de máscaras segue obrigatório nas unidades de saúde. Com o avanço das imunizações contra a Covid-19 e contra a Influenza, o movimento nos Postos de Saúde tem aumentado. Porém, alguns pacientes não estão com a proteção devida e estão sendo orientados sobre o uso da máscara.

“Os próprios servidores têm nos avisado sobre essa questão, pois muitos pacientes estão indo até os postos de saúde sem a máscara e ela é obrigatória nos locais de prestação de serviços de saúde e fundamental nesse momento em que voltamos a registrar aumento dos casos. É para a proteção de todos”, comentou Gildo Martinho de Araújo, secretário municipal de Saúde.

Desde março, após publicação de decreto estadual, a Prefeitura de Mogi Guaçu também estabeleceu que o uso de máscaras deixou de ser obrigatório em ambientes fechados. Contudo, há exceções: as máscaras continuam obrigatórias em locais destinados à prestação dos serviços de saúde e nos meios de transporte público.

A obrigatoriedade se estende às respectivas áreas de acesso, além do embarque e desembarque do transporte coletivo. Veículos de transporte por aplicativo e táxis são considerados de uso público e, portanto, o uso de máscaras deve ser mantido.

De acordo com o boletim publicado pela Secretaria Municipal de Saúde nesta terça-feira, dia 10 de maio, sobre a pandemia do novo coronavírus, até o momento, o município soma 34.966 casos positivos da doença. 34 novos casos de Covid-19 foram confirmados nas últimas 24 horas. Nenhum paciente encontra-se internado em leitos de enfermaria ou UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

  

Comentários