Pedreira recebe da UniFAJ o prêmio de “Prefeito Educador 2019”

Pelo terceiro ano consecutivo Pedreira esteve participando do Programa “Prefeito Educador”, desenvolvido pelo Centro Universitário de Jaguariúna (UniFAJ), visando a inovação acadêmica, proporcionando a ampliação dos conhecimentos dos professores da Rede Pública Municipal sobre como é construído o processo de ensino e aprendizagem do estudante do ensino superior para que possam, ainda na educação básica, olharem e agirem de forma personalizada para seus alunos, contribuindo com uma aprendizagem mais significativa para essa e as próximas gerações.

Na quarta-feira, 8 de maio, nas dependências do Anfiteatro Karam Mansur, no campus II da FAJ, aconteceu a entrega dos prêmios aos prefeitos, vice-prefeitos e secretários municipais de educação das cidades de Pedreira, Artur Nogueira, Monte Alegre do Sul, Monte Sião, Lindóia, Holambra, Cosmópolis, Conchal, Jaguariúna, Estiva Gerbi, Amparo e Santo Antônio de Posse.

O projeto Prefeito Educador vem sendo um sucesso desde 2017. Baseado em uma parceria entre a UniFAJ e Prefeituras da região “Nesse processo, a UniFAJ disponibilizou ao corpo docente da Rede Pública de Pedreira, bolsas integrais de estudo em cursos de pós-graduação em metodologias ativas de ensino e intermeios no ensino superior, além de cursos de extensão sobre inovação acadêmica, que contribuíram no aprimoramento da educação em nossa cidade”, destacou na ocasião o vice-prefeito Fábio Polidoro que participou do evento juntamente com a secretária municipal de Educação Mariangela Rodrigues.

“Propusemos a parceria no sentido de contribuir ainda mais com o trabalho que as prefeituras têm realizado arduamente em prol da educação nos municípios, mediante a oferta de formação continuada aos docentes através do Programa FOCO da IES e Pós-Graduação com a oferta de bolsas de estudo, além de mantermos nosso compromisso com o aluno, ofertando o Curso Preparatório para o Exame Nacional do Ensino Médio, que é uma avaliação de extrema importância utilizada pelos estudantes para participação nos benefícios socioeducativos do Governo Federal, bem como nota para ingresso em instituições de ensino superior”, enfatizou o reitor do Centro Universitário de Jaguariúna, professor Dr. Ricardo Tannus.

  

Comentários