Ponte x Guarani: CBF define trio de arbitragem para o dérbi 201

A CBF definiu nesta segunda-feira a escalação de arbitragem para o confronto entre Ponte Preta e Guarani, na próxima sexta-feira, às 21h30, pela 24ª rodada da Série B.

Marcelo de Lima Henrique, do Rio de Janeiro, foi o escolhido para apitar o jogo. Ele vai ser auxiliado por Eduardo Goncalves da Cruz, do Mato Grosso do Sul, e Márcia Bezerra Lopes Caetano, de Rondônia. O árbitro de vídeo será Carlos Eduardo Nunes Braga, também do Rio de Janeiro.

Marcelo de Lima Henrique apita Ponte Preta x Guarani — Foto: César Greco / Ag. Palmeiras / Divulgação

Marcelo de Lima Henrique apita Ponte Preta x Guarani — Foto: César Greco / Ag. Palmeiras / Divulgação

Marcelo de Lima Henrique, que tem 50 anos recém completados, tem vivido um momento diferente na carreira. Em dezembro, chegou a 200 jogos apitados na Série A do Campeonato Brasileiro – marca somente atingida por outros 19 profissionais na história.

No entanto, em março, foi comunicado pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Fferj) que deixaria o quadro de árbitros do estado, ficando fora do Campeonato Carioca – onde havia apitado a final da Taça Guanabara no ano anterior.

Mesmo assim, Marcelo de Lima Henrique foi mantido no quadro de árbitros da CBF, onde, já na categoria master, soma 14 jogos apitados somente nesta temporada – entre séries A, B e Copa do Brasil. O último deles foi no sábado (11), quando a Chapecoense bateu o RB Bragantino por 2 a 1 em Bragança Paulista.

Na temporada passada, Marcelo apitou um jogo de Ponte e um de Guarani. O da Macaca, no encerramento da Série B, terminou com a goleada por 7 a 2 sobre o Figueirense no Orlando Scarpelli, em Santa Catarina. O Guarani não teve a mesma sorte e foi derrotado por 1 a 0 pelo América-MG no Brinco de Ouro, na 32ª rodada do Brasileiro.

Veja a escala completa para o dérbi:

  • Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
  • Assistente 1: Eduardo Goncalves da Cruz (MS)
  • Assistente 2: Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO)
  • Quarto árbitro: Thiago Lourenço de Mattos (SP)
  • Analista de campo: Antonio Rogerio Batista do Prado (SP)
  • Árbitro de vídeo: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
  • AVAR: Rejane Caetano da Silva (RJ)
  • Observador de VAR: Luiz Vanderlei Martinucho (SP)

Fonte: GE

  

Comentários