fbpx

Prefeito Gustavo Reis veta aumento do próprio salário

O prefeito de Jaguariúna, Gustavo Reis, vetou o projeto de lei 023/2017 que previa o aumento do seu próprio salário. O prefeito seguiu rigorosamente a orientação da secretaria municipal de finanças que avaliou ser incompatível com a situação financeira herdada pela atual administração o aumento dos salários de agentes políticos como o prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

No início de 2017 a atual administração municipal herdou da gestão passada uma dívida de mais de R$ 75 milhões, que inclusive foi determinante para que fosse baixado no primeiro semestre deste ano um decreto de calamidade financeira nas contas públicas de Jaguariúna.

De acordo com o prefeito Gustavo Reis não faz sentido algum os agentes políticos, como prefeito, vice-prefeito e secretários municipais, receberem qualquer tipo de reajuste salarial neste momento.

“Estamos trabalhando forte para que Jaguariúna retome o caminho do desenvolvimento e da austeridade e responsabilidade com as contas públicas. Por isso nesse momento é de fundamental importância que todos somam esforços e façam os sacrifícios necessários para que o município supere o mais rápido possível esse momento de grande dificuldade financeira”, explicou o prefeito.

  

Comentários