Rede Municipal de Holambra se estrutura para retomada segura das aulas

A Prefeitura de Holambra vem realizando nas últimas semanas diversas ações para que a retomada das aulas presenciais nas 13 unidades municipais de ensino, ainda sem data definida para acontecer, seja realizada de forma segura para alunos e profissionais da rede.

Para isso segue rigorosamente as regras do Plano SP, do Governo do Estado, e adquiriu uma série de produtos que já estão disponíveis no Almoxarifado do município. Foram compradas mais de 9.500 máscaras laváveis, que serão destinadas aos alunos, e outras 500 com viseira em acrílico para uso dos funcionários da rede. 300 luvas descartáveis e mais de 50 termômetros digitais com sensor infravermelho também fazem parte das aquisições.

Para garantir a higiene em diferentes pontos das unidades, a Prefeitura adquiriu ainda 290 equipamentos para armazenamento de álcool em gel, outros 40 com acionamento por meio de pedal e 180 dispositivos para sabonete líquido. 290 tapetes com solução desinfetante serão disponibilizados nas entradas das escolas e das classes e mais de 160 rolos de fitas serão usadas para a marcação do distanciamento necessário entre os estudantes. 200 litros de sabonete líquido, mais de 450 litros de álcool em gel 70% e 1.000 de água sanitária já estão acondicionados e prontos para utilização.

“Estamos tomando todas as medidas para garantir a segurança dos alunos e funcionários quando a retomada das aulas for realizada”, explicou o prefeito Fernando Fiori de Godoy. “A cautela neste momento é importante. E o planejamento, fundamental para garantir ambientes saudáveis de aprendizado quando a retomada for possível”.

Rotary Club de Holambra faz doação de equipamentos automáticos

Os alunos e professores também terão à disposição outros 13 dispositivos de higienização, um em cada unidade, com sensor ultrassensível e regulador de dosagem com cinco níveis de aplicação. Os equipamentos foram doados pelo Rotary Club de Holambra por meio do projeto “Mãos Limpas para brincar e aprender”, que obtém recursos da Fundação Rotária e da iniciativa “Prato do dia solidário”, uma parceria do Rotary da cidade com o Restaurante Casa Bela.

“Com esse modelo o usuário não precisa tocar no equipamento para a limpeza das mãos. Além disso, com esta tecnologia é possível controlar o uso de insumos e evitar o desperdício”, explicou Maria Renata Venturini, associada ao Rotary Club de Holambra.

A organização fará ainda a doação de 130 litros de álcool em gel 70%. “Acreditamos que a comunidade será favorecida a curto e longo prazo, já que as crianças serão, desde muito cedo, educadas a desenvolver a consciência da necessidade da higiene pessoal e a prevenção de doenças. Elas são multiplicadoras, levarão essas informações para a casa, aos pais e outros familiares”.

A previsão é de que os equipamentos sejam instalados nas unidades de ensino em fevereiro do ano que vem.

  

Comentários