Saúde de Holambra supera 61 mil atendimentos no primeiro semestre de 2019

Ensaio Fotográfico sobre Holambra para Prefeitura de Holambra. Foto: Alexandre Pottes Macedo

A rede municipal de Saúde de Holambra realizou entre os meses de janeiro e junho desse ano 61.845 atendimentos – número 7% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, quando foram registrados 57.987.

Entre os serviços considerados no balanço estão clínica-geral, pediatria, ginecologia, odontologia e nutrição nas unidades dos bairros Fundão, Palmeiras, Imigrantes, Jardim das Tulipas e na Policlínica, onde somam-se as especialidades de oftalmologia, dermatologia, odontologia, cardiologia, otorrinolaringologia, fonoaudióloga, psicologia, gastroenterologia, terapia ocupacional, ortopedia, psiquiatria, fisioterapia, urologia e neurologia.

A rede ofereceu também no primeiro semestre 4.367 exames de alta e média complexidade, ultrassonografia, cirurgias e procedimentos externos, ressonâncias magnéticas, tomografias computadorizadas e mamografias.

Nos seis primeiros meses de 2019 foram entregues ainda 20.465 medicamentos pela farmácia municipal e a ambulância, entre chamadas e viagens para cidades como Campinas, Santa Barbara D’Oeste e Sumaré, realizou 9.072 atendimentos à população.

De acordo com o prefeito Fernando Fiori de Godoy, esse crescimento é reflexo dos investimentos feitos na saúde nos últimos anos. “A administração investiu esse semestre mais de R$ 8 milhões no setor”, explicou. “Nos últimos anos ampliamos o número de unidades, realizamos reformas importantes, fechamos novas parcerias e passamos a oferecer exames em nossa própria cidade. A saúde em Holambra se tornou uma referência na região”.

 


Comentários