fbpx

Saúde realiza 56 mil atendimentos no primeiro quadrimestre de 2016

O departamento de saúde de Holambra contabilizou 55.997 atendimentos nos quatro primeiros meses de 2016, somando consultas, exames, procedimentos, assistência farmacêutica, serviço de ambulância e transporte com finalidade médica. Os investimentos no setor durante o período foram de R$ 4,2 milhões. Os dados foram apresentados durante audiência pública da saúde do primeiro quadrimestre, realizada na Câmara Municipal na última terça-feira, dia 7 de junho.

Apenas na policlínica foram realizadas 18.444 consultas, enquanto nos PSFs foram 8.207. Apesar do grande volume de atendimentos, os números mostram pequena queda quando comparados ao primeiro quadrimestre do ano passado, quando 57.947 atendimentos foram prestados. O diretor de saúde de Holambra, Valmir Marcelo Iglecias, que coordenou a audiência, lembrou que no início de 2015 a procura por unidades de saúde foi muito grande em função do surto de dengue que atingiu a região. “Este ano tivemos apenas 11 casos confirmados”, afirmou Valmir.

Os números oficiais ainda não contabilizam os atendimentos no PSF do Fundão, inaugurado em maio, mas o diretor estima que aproximadamente 200 consultas já foram realizadas na unidade. A inauguração do PSF do bairro Imigrantes está prevista para o início de julho.

A Prefeitura é a principal responsável pelo custeio do setor, arcando com 82,07% dos R$ 4,2 milhões aplicados. O Governo Federal respondeu por 17,29% dos recursos, enquanto o Governo Estadual colaborou com 0,64% das despesas. O município continua atendendo às exigências da Lei Complementar 141/2012 (que regulamenta o artigo 198 da Constituição Federal), tendo aplicado no período 22,26% da receita de impostos e transferências em ações e serviços de saúde pública, o mínimo é de 15%.

????????????????????????????????????

  

Comentários