Ação social auxilia grávidas afegãs refugiadas na região de Campinas

No próximo dia 15 de agosto é comemorado o dia da gestante.
Diante do cenário econômico atual, em que muitas famílias estão
passando por necessidades, empresários estão se mobilizando para
ajudar grávidas em situação de vulnerabilidade.
Um dos maiores e-commerces do Brasil de produtos de puericultura leve e
pesada está se mobilizando para ajudar mulheres nesta situação, entre
elas, um grupo de refugiadas afegãs que estão na região de Campinas.

Confira o material abaixo.

Caso deseje fazer alguma reportagem mais aprofundada sobre o assunto,
estamos à disposição para ajudar.

Abs

Ação social auxilia grávidas afegãs refugiadas na região de
Campinas

_Um dos maiores e-commerces do Brasil de produtos de puericultura leve e
pesada, a empresa Baby&Kids doa peças de enxoval, carrinhos e outros
itens a estas mulheres acolhidas no Brasil_

O relatório “Situação da População Mundial”, divulgado pela
Organização das Nações Unidas (ONU), revela que a taxa de
fecundidade geral no Brasil é de 1,7 filhos por mulher. Embora abaixo
da média mundial (2,5 filhos), não se pode omitir a situação de
vulnerabilidade social e econômica em que se encontram muitas grávidas
no País. Em 15 de agosto, a data que marca o Dia da Gestantecelebra um
período que ressignifica a vida das mulheresao mesmo tempo em que
destaca a importância de ações que permitem a mães e bebês viverem
a maternidade de forma digna.

Do anúncio da gravidez ao nascimento dos filhos, mulheres em
vulnerabilidade e risco social enfrentam dificuldades de sobrevivência
que as impede de ter uma gestação tranquila. No caso de gestantes
adolescentes, a situação é ainda mais preocupante. Acima da média
mundial, o Brasil tem 53 adolescentes grávidas a cada mil. No mundo
são 41.

Esta realidade brasileira vem mobilizando diversos projetos sociais
voltados a auxiliar as mulheres em necessidades que envolvem o
nascimento e os primeiros meses de vida de uma criança. Participante
destas ações solidárias, a Baby&Kids, um dos maiores e-commerces do
Brasil de produtos de puericultura leve e pesada, contribui com várias
iniciativas.

No início de agosto, o Chá da Baby, promovido pela empresa, destinou
em uma ação social parte dos lucros obtidos com as vendas no evento
para projetos sociais. “A empresa se alinha a esta causa porque entende
e vivencia as necessidades das mulheres economicamente vulneráveis”,
destaca a diretora executiva da Baby&Kids Ana Flávia Ramalho de Souza
Gomes.

Em uma nova iniciativa, a empresa participa de uma ação que assiste um
grupo de refugiadas afegãs, formado por seis grávidas e uma mãe de um
bebê, acolhido na região de Campinas. “Nós vamos contribuir doando
carrinhos, bebês conforto, peças básicas de enxoval e outros itens”,
afirma Ana Flávia.

Ao falar sobre a importância da ação para auxiliar o grupo de
refugiadas afegãs, Rafael Gomes Ferreira, CEO da Baby&Kids, ressalta o
compromisso social da empresa. “Trabalhamos com o pensamento em oferecer
mais conforto e dignidade às mulheres que precisam de ajuda”, finaliza.

  

Comentários