Alistamento Militar obrigatório é realizado somente pela Internet, até 30 de setembro

Os jovens do sexo masculino que completam 18 anos, em 2020 (nascidos em 2002), devem fazer o Alistamento Militar obrigatório pela Internet, por meio do site: www.alistamento.eb.mil.br. O prazo, inicialmente, previsto para se encerrar em 30 de junho, foi prorrogado até 30 de setembro. A mudança foi decretada por conta da pandemia do novo coronavírus.

Ressalte-se que o atendimento presencial está suspenso temporariamente, devido às medidas protetivas contra a COVID-19, porém, dúvidas ou informações podem ser esclarecidas pelo telefone: (19) 99842-4447 ou pelo e-mail: juntamilitar@pedreria.sp.gov.br, de segunda a sexta, no horário comercial.

A inscrição de forma virtual foi disponibilizada pelo comando do Exército a partir de 2017. O processo é realizado em poucos minutos. Após a inscrição online, o jovem recebe um número de registro e através dele acompanha todo o andamento pela Internet.

O Alistamento Militar é previsto no Artigo 143, da Constituição Federal de 1988 e é regulamentado pela Lei 4.375/1964 e direcionado a todos os brasileiros do sexo masculino e deve ocorrer no ano em que o cidadão completa 18 anos, independentemente de editais ou do recebimento de avisos ou notificações.

Se não se alistar o jovem estará em débito com o Serviço Militar e não poderá obter passaporte ou a renovação; não obterá carteira profissional; não poderá assumir trabalho em instituições, empresa ou associação oficial; não poderá prestar vestibular ou matricular-se em estabelecimento de ensino; não poderá inscrever-se em Concurso Público ou assumir cargo público etc.

Os que não cumprirem o prazo regulamentar incorrerão ainda em multa, além de ser vinculado à classe seguinte (nascidos em 2003), conforme previsto em Lei do Serviço Militar.

Para fazer o alistamento acesse o site oficial: www.alistamento.eb.mil.br. Clique em “Quero me alistar”; Selecione a opção “Alistamento Militar”. Em seguida, preencha os dados solicitados: CPF, data de nascimento e nome da mãe; Por último, o candidato vai saber o número do registro do alistamento, que deve ser guardado. Para saber o processo, é só acessar a opção “Já me alistei”.

  

Comentários