Calendário da coleta de lixo de Mogi Guaçu terá alterações a partir de outubro

137, dos 216 bairros da cidade terão o calendário alterado

A Secretaria de Serviços Municipais (SSM) irá alterar, a partir do dia 18 de outubro, o calendário da coleta de lixo domiciliar e do comércio nos bairros de Mogi Guaçu. A reestruturação tem como objetivo trazer melhorias à logística das operações e, principalmente, atender a demanda dos novos bairros da cidade.

O diretor de departamento de limpeza pública, Antonio Marcos de Lima, comenta que os ajustes são necessários, porque há mais de 15 anos não era realizado um estudo sobre a logística deste serviço público.

Atualmente, a cidade tem 216 bairros e 137 deles terão o calendário alterado. “Agora, eles estão divididos em seis regiões e em cada região incluímos os setores nos quais os bairros foram remanejados de acordo com a localidade mais próxima deles dentro das Zonas Sul, Norte, Leste e Oeste”, explicou.

O diretor ressaltou que o serviço de coleta será otimizado. “Iremos otimizar o tempo da coleta com a redução no impacto do trânsito em determinadas áreas. Por isso, estamos divulgando as futuras mudanças com antecedência”, destacou.

Para que coleta de lixo na cidade seja eficiente, a SSM conta com sete caminhões e 90 coletores que trabalham de segunda-feira a sábado, das 5h às 12h e das 15h às 22h.  “Como contribuição ao trabalho destes coletores, os munícipes podem ajudar ensacando o lixo, depositando-o nos locais indicados próximo ao horário de recolhimento dos caminhões. É muito importante respeitar o calendário da coleta domiciliar e nunca colocar o lixo para fora de casa com muita antecedência”, ressaltou.

Recolhimento
É fundamental que a população tenha consciência quanto à separação dos resíduos, porque os funcionários responsáveis pela limpeza fazem o manuseio dos resíduos antes de colocá-lo no caminhão e, neste momento, pequenos acidentes acontecem devido aos materiais descartados incorretamente.
Entre os materiais que mais comumente causam ferimentos nestes servidores estão espetos de churrasco, agulhas de imunossupressor de pessoas com diabetes e cacos de vidro.
Para o descarte correto destes materiais há um padrão – e toda a população pode contribuir com o trabalho dos coletores de lixo de Mogi Guaçu.

Saiba como:
1) Espeto de churrasco: devem ser colocados em garrafas pet fechadas com a tampa ou em caixas de papelão com amarração.

2) Cacos de vidros: devem ser enrolados em jornais e amarrados com uma fita, colocados em caixas de papelão com amarração. Importante também identificar, por escrito, que há vidro quebrado na embalagem.

3) Agulhas de imunossupressores: a população usuária destes materiais ou outros similares deve fazer contato com a Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente (SAAMA), pois há coleta específica para esses materiais. É importante lembrar que há alto índice de contaminação aos coletores de lixo e ao meio ambiente em função do descarte irregular desse material, que devem ser conduzidos para incineração pelo município.

Para ter acesso ao novo calendário acesse o portal do Governo em https://www.mogiguacu.sp.gov.br/servicos/31/lixo-sistema-de-coleta.html. Em caso de dúvidas a população deve entrar em contato com a Secretaria de Serviços Municipais pelo telefone (19) 3811.7030.

  

Comentários