Canal 1 (domingo – 08/11/2020)

Produções de época vão movimentar a televisão no início do ano

Globo e Record estão às voltas com produções de época para a programação 2021. Trata-se de um gênero de trabalho que sempre exige muito de seus realizadores, por causa do alto custo envolvido. Além de pesquisas e detalhes de reconstituição, agora também entram nessa conta os gastos praticamente diários contra a Covid-19.

Neste momento, a Globo acelera os preparativos para retomar as gravações de “Nos Tempos do Imperador”, continuação de “Novo Mundo”, cuja estreia está marcada para fevereiro. Sua cidade cenográfica possui nada menos que uma área de 8,2 mil metros quadrados. A obra, que começa em 1856, um pouco mais de 30 anos após a independência do Brasil, fala sobre conquistas, batalhas, vitórias e derrotas.

Dentre os protagonistas, Samuel (Michel Gomes), um escravo fugido, e Pilar (Gabriela Medvedovski), filha de um coronel, que sonha em ser a primeira médica do País. A emissora também irá reiniciar a série “O Anjo de Hamburgo”, passada no período do nazismo.

Pelo lado da Record, o investimento atende por “Gênesis”, sobre a criação da humanidade. A história das origens do céu e da terra será contada em 150 capítulos, distribuídos em 7 fases e reunirá mais de 200 atores. Promete ser um dos principais produtos da sua temporada do ano que vem, com gravação atualmente nos estúdios do Rio de Janeiro. Mas já houve captação no Marrocos e em algumas cidades brasileiras. Flávio Galvão, Oscar Magrini, Juliana Boller, Carlo Porto, Pablo Morais e Vinícius Reed estão no elenco.

(Gabriela Medvedovski, protagonista de ‘Nos Tempos do Imperador’/ reprodução Instagram)

TV Tudo

Streaming

João Campany, ator e cantor, vive D. Pedro I na série “Brasil Imperial”, em 10 episódios, com estreia na próxima terça-feira(10) no Brasil, Portugal e África pela plataforma Amazon Prime, e disponível também no Vivoplay.

“A série não mostrará só o lado heroico do Imperador…Mostrará suas sombras e inclusive cenas de agressão contra a sua esposa, a Imperatriz Leopoldina”, detalha o intérprete. Campany também participou das novelas “Bom Sucesso” e “Amor de Mãe”.

(Crédito Rodrigo Ricordi)

Saudade

O “MasterChef” deste ano, formato de emergência, com um vencedor por edição, não empolgou desde o primeiro episódio, mas vai assim mesmo até o encerramento. Em 2021, voltará ao ar o formato tradicional, que consagrou o programa na Band.

Marcou época

“Pantanal” na Manchete, além da grande história contada por Benedito Ruy Barbosa, também tinha como destaque sua trilha sonora. Como não se lembrar do tema de abertura da novela, na voz de Sagrado Coração da Terra? Resta torcer para que no remake da Globo, em 2021, esse cuidado seja mantido.

Aliás…

Nossas emissoras de televisão precisam voltar a se preocupar em produzir grandes trilhas sonoras para as novelas. Com o tempo isso acabou ficando um pouco de lado.

Fim de papo

Chegaram ao fim as gravações da primeira temporada de “2000 e Vishhh”, o novo programa de Leandro Hassum na TNT.

A estreia está confirmada para o próximo dia 23, às 23h30, com episódios semanais.

Desânimo

“Desalma”, nova série do Globoplay, ficou muito abaixo das expectativas criadas pela Globo. Ainda assim, a segunda temporada está assegurada.

Expediente

Enquanto o elenco de “Amor de Mãe” praticamente já se despediu dos Estúdios Globo, o pessoal de “Salve-se Quem Puder” continua gravando normalmente. Ninguém foi liberado ainda das gravações.

Novos valores

O Parafernalha, canal de esquetes de comédia veiculados no YouTube, apresenta neste mês uma nova geração de atores. Os episódios serão protagonizados por Jorge Hissa, Amanda Orestes, Luísa Narcizo, Marcela Lopes, Digão (Diego Ribeiro), Felipe Miguel e Lipe Dal Col.

O canal possui mais de 12 milhões de inscritos e mais de 4.1 bilhões de visualizações.

Força máxima

Nas próximas semanas, nomes como Fátima Bernardes, Dani Calabresa, Chay Suede, Deborah Secco, Mumuzinho, Preta Gil, Tadeu Schmitd e Cauã Reymond estarão no “Que História É Essa, Porchat?”, contando suas histórias. Uma estratégia para tentar levantar a bola do programa, que tem perdido para “A Fazenda”, da Record, nas noites de quinta-feira.

(Dani Calabresa/ reprodução Instagram)

Bate-Rebate

·       A parceria Floresta-Sony conseguiu segurar todos os atores internacionais da minissérie “O Anjo de Hamburgo”…

·       …Falando em segurar, lembra do José Condessa, que abandonou a novela “Salve-se Quem Puder”?…

·       …O jovem ator surgiu em uma nova novela, em Portugal, que perdeu para uma produção da Globo…

·       …Teve quem comemorasse o fato por aqui. Condessa queimou mesmo o filme.

·       Correspondente internacional da Band nos EUA, Eduardo Barão bateu escanteio e correu para cabecear, na cobertura das eleições americanas…

·       …Marcou presença em todos os veículos do Grupo.

·       Por causa de problemas técnicos, acabou ficando para a próxima terça-feira, a partir das 21h, a live do autor Alessandro Marson no YouTube…

·       …Em pauta, a leitura de um texto teatral inédito do autor, “Ainda Somos os Mesmos”.

·       “Pode Entrar”, série original para o Casa GNT, no YouTube, conquistou o posto de segundo programa mais assistido do canal…

·       … A atração, que propõe um passeio pelo lar dos apresentadores Astrid Fontenelle, Micaela Góes, Chico Bosco, Bela Gil, Leila Bittencourt, entre outros, é responsável por 33% dos novos inscritos e por 27% das visualizações…

·       …E alcançou a maior média por vídeo, chegando a 1220% acima da média total desde sua estreia, no dia 22 de setembro.

C’est fini

Na Record, existe uma grande torcida para que a atual edição de “A Fazenda” possa ganhar um especial, ao melhor estilo “lavagem de roupa suja”, reunindo todos os seus participantes.

Não deixa de ser uma ideia bem interessante. Imagine o barulho!

  

Comentários