Com empate na liderança, Stock Car tem prova decisiva no Velo Città

O belo autódromo do Velo Città receberá pela segunda vez na temporada os carros do Campeonato Brasileiro de Stock Car. No próximo domingo, dia 10, a pista localizada em Mogi-Guaçu, a 180 km de São Paulo, sediará duas corridas capitais para quem quer seguir na briga pelo título.

Em uma temporada de grande alternância no pódio, simbolicamente um dos mais disputados campeonatos dos 40 anos de história da Stock, chega à rua reta final com dois pilotos empatados na liderança – e outros seis ainda em condições de brigar pelo título.

É a Stock Car em sua força máxima, sempre com mais de 25 pilotos dentro do mesmo segundo nos grids e uma total incerteza sobre quem vai chegar na frente.

Em formato de rodadas dupla, as duas próximas etapas (Velo Città e Goiânia) colocarão em jogo um total de 108 pontos nas quatro provas. Elas antecedem a chamada Superfinal, em Interlagos, disputa em prova única que concederá pontuação dobrada – 60 pontos ao vencedor, configurando um cenário no qual o título deve ser decidido na última corrida do ano.

Se a decisão fosse agora, seis pilotos estariam mais fortemente credenciados: Daniel Serra, Ricardo Mauricio, Thiago Camilo, Rubens Barrichello, Felipe Fraga e Julio Campos. Porém, nomes como Gabriel Casagrande e Cacá Bueno ainda estão em condições de engrossar essa lista.

Com vários pilotos alternando-se no alto do pódio, a disputa pela liderança da temporada está espetacular. Os parceiros de equipe Daniel Serra e Ricardo Maurício chegam ao Velo Città empatados em 265 pontos, com Thiago Camilo (249) e Rubens Barrichello (241), Felipe Fraga (225) e Julio Campos (224) se esforçando para não deixar a dupla da Eurofarma RC escapar.

Gabriel Casagrande, com 191, e Cacá Bueno, com 182, estão mais distantes, mas embalaram nas últimas provas com resultados animadores – caso da vitória de Fraga nas duas etapas mais recentes, no Velopark (RS) e Cascavel (PR).

O balanço de forças tem sido alterado nas corridas mais recentes, como mostram os números das duas últimas etapas: Fraga foi o que mais pontuou (82 pontos), seguido por Barrichello (73), Casagrande (66), Cacá (65), Camilo (64), Mauricio (60) e Serra (53) – praticamente a ordem inversa da classificação do campeonato.

O retrospecto de vitórias do Velo Città também é desfavorável à equipe dos líderes, dirigida por Rosinei Campos. E coloca dois nomes como fortes candidatos nas provas deste domingo: Fraga e Átila Abreu são os maiores vencedores no Velo Città, com dois primeiros lugares cada um. E foram eles também os vencedores das provas da rodada dupla mais recente, em Cascavel, realizada há 15 dias.

PROGRAMAÇÃO

A décima etapa da temporada terá uma programação diferente, repetindo o que aconteceu em abril, com dois dias de atividades, sem a presença da Stock Light. O sábado contará com dois treinos livres e a classificação, marcada para as 13h30 e exibida pelo Globoesporte.com.

Já o domingo recebe as duas provas, com transmissão ao vivo do SporTV2 a partir das 10h30. Os ingressos seguem à venda até sexta-feira no site Tickets For Fun, no Big Bom, em Mogi Guaçu, além da bilheteria do autódromo, que será o único ponto de venda no sábado e domingo.

 


Comentários