Etapa do Circuito Solidário de Xadrez foi um sucesso

A 64ª etapa do Circuito Solidário de Xadrez em Mogi Guaçu foi um sucesso. Realizado no domingo, dia 10, na Alameda do Supermercado Big Bom, o evento contou a participação de 184 enxadristas da região.

Participaram atletas de Americana, Campinas, Campinas/Eufraten, Campinas/Oficina do Estudante, Curitiba/PR, Diadema/AAS CDR Sao Jose, Hortolândia, Indaiatuba, Itapira, Jaguariúna, Jundiaí/Time Jundiaí, Leme/Clube de Campo Empyreo, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Paulínia, Pedreira, Poços de Caldas/MG, Rio Claro, Rio Claro/Projeto Mirim Xadrez, Santa Barbara D’Oeste, São Carlos, São João da Boa Vista, São Paulo, Socorro, Socorro/Esc. Online de Xadrez, Sorocaba, Sumaré, Valinhos, Valinhos/Sempre Chess e Vinhedo.

Destaque para a quantidade de enxadristas guaçuanos: 49. Pela primeira vez na história do Circuito Solidário de Xadrez, foi realizado o torneio dos campeões, com 14 enxadristas que já foram campeões, vice-campeões ou 3º colocados gerais de alguma etapa do circuito.

Esse evento contou com a vitória do campineiro Pedro Alberto Martins Palmeira. O guaçuiano Ramés Fialho de Freitas terminou na 7ª colocação. O evento adulto foi vencido pelo atleta de São Carlos Samuel Sousa Ferreira, e o melhor guaçuano foi o veterano João Francisco dos Santos, que, com 4 vitórias, 1 empate e apenas 1 derrota, terminou na 5ª colocação geral e vice-campeão da categoria veterano, além de ser o destaque masculino da delegação guaçuana.

Alisson Rodrigues conquistou um excelente segundo lugar, demonstrando a solidez do seu nível de jogo. Simone Rodrigues, mãe de Alisson, venceu 3 das 6 partidas que jogou e conquistou o vice-campeonato na categoria adulto feminino.

Renan Luiz de Souza Ribeiro conquistou 5 vitórias nas 6 partidas e foi o vice-campeão na categoria sub14. Lais Reis foi a melhor guaçuana no torneio até 16 anos, ficando em 4º lugar entre as meninas até 14 anos.

No torneio das crianças, Bianca Reis teve uma performance excelente, com 4,5 pontos e terminou o torneio em primeiro entre as meninas até 12 anos. Gabriela Vitória Ribeiro, de apenas 10 anos, conquistou 3 vitórias e 1 empate e foi a vice-campeã sub10 e também o destaque feminino de Mogi Guaçu.

Além de difundir a prática do xadrez e melhorar o nível técnica da equipe guaçuana e das que participaram o torneio, a competição também teve um fim social. Cada atleta trouxe 1 kg de alimento para ser doado para o CAC (Centro de Atendimento à Criança) de Mogi Guaçu. Foram arrecadados 244 kg.

  

Comentários