GM e Conselho Tutelar definem linha de ação sobre crianças e adolescentes em Jaguariúna

Uma reunião ocorrida na manhã de quinta-feira, dia 8 de fevereiro, na sede da Secretaria de Segurança Pública de Jaguariúna, reuniu o comando da Guarda Civil Municipal (GCM) e membros do Conselho Tutelar, que discutiram a realização de ações preventivas para evitar o envolvimento de menores de idade com drogas e a criminalidade, além da participação efetiva do Conselho Tutelar nas próximas reuniões agendadas pelo Conseg.

Durante a reunião ficou acertado que serão desenvolvidas operações conjuntas entre a GM e o Conselho Tutelar em dois locais considerados problemáticos na cidade: a Praça Mogi Mirim e o bairro Colina do Castelo. Nesses locais, conforme informações que chegaram à corporação e ao Conseg, crianças e adolescentes teriam acesso a bebidas alcoólicas e drogas, o que é preocupante e deve ser coibido. Essa mesma ação deve ser levada aos demais bairros da cidade.

Também foram abordadas as ocorrências de maus tratos e abandono envolvendo crianças e adolescentes, fatos que também são preocupantes porque afetam a estrutura familiar e a sociedade. No enfrentamento desse problema específico, ficou combinado que o Conselho Tutelar, juntamente com o Conseg, dará as orientações para auxiliar nas deliberações quanto à proteção das crianças e adolescentes no município.

Conforme os conselheiros, os telefones do Conselho Tutelar de Jaguariúna para encaminhar denúncias e sugestões podem ser acionados de segunda a sexta, em horário comercial, e são esses: 3867-1047 e 38374481. Participaram da reunião o diretor de Segurança Pública de Jaguariúna, Tenente Renato José, e como representantes da Guarda Civil Municipal (GCM), os GMs Altheman (comandante) e Gonçalves (inspetor). Pelo Conselho Tutelar estiveram presentes as conselheiras Janaína Morrinho, Madalena Catão Bergamasco e Inamaia Vicentin.

Matéria: ASCOM 

gms-e-conselho-tutelar-de-jaguariuna-2

  

Comentários