Greve não impede Mogi Guaçu de participar do Dia do Desafio

Apesar das dificuldades decorrentes dos efeitos da paralisação dos caminhoneiros, que causou o cancelamento de algumas atividades, 11.032 pessoas participaram do Dia do Desafio de 2018 em Mogi Guaçu.

Os dados já foram repassados pela Secretaria de Esportes e Turismo ao coordenador pela região do SESC (Serviço Social do Comércio) de Campinas, Daniel Figueira Veullieme.

“Ficamos muito felizes com a participação de Mogi Guaçu. A cidade, mesmo com as dificuldades, conseguiu realizar muitas ações.”, disse Veullieme.

O site www.diadodesafio.org ainda não publicou os números de Mogi Guaçu e nem os da desafiante, Tariba, terceira cidade da Venezuela a enfrentar Mogi Guaçu no Dia do Desafio.

As escolas municipais registrou a maior participação na edição deste ano através das aulas de Educação Física, com 4.500 participantes. Academias e clube aparecem em segundo lugar, com 3.258.

A Secretaria de Saúde também aderiu. No geral, a Secretaria de Esportes e Turismo computou a participação de praticantes de caminhadas, escolas estaduais, faculdades, ginástica e musculação em parques, SEAC, SENAI, CREA, SESI e Cerâmica Clube.

O Dia do Desafio é uma campanha de incentivo à prática regular de atividades físicas em benefício da saúde e melhor qualidade de vida da população, cujo lema é “Você se mexe e o mundo mexe junto!”.

A iniciativa originou-se no Canadá e é adotada em mais de 3.000 cidades de 21 países do continente americano. No Brasil, é coordenada pelo SESC desde 1995.

  

Comentários