Holambra passa a contar com novos atrativos

O município recebe anualmente cerca de 1 milhão de visitantes de todo o país

A cidade mais holandesa do Brasil recebeu desde o último aniversário, novos atrativos turísticos para deixar o município ainda mais bonito. Parque Van Gogh, revitalização da área e o desassoreamento do lago do Holandês e Praça Bento Euzébio Tobias foram algumas das novas opções de lazer inauguradas em Holambra.
O Deck do Amor, às margens do Lago Vitória Régia, hoje com mais de 6 mil cadeados afixados por casais apaixonados, passou a contar esse ano com um monumento em homenagem ao romance: um coração com mais de 2 metros de altura, ideal para cliques que celebram a vida a dois.
Na Praça do Bento, em frente à Prefeitura, conhecida por seu jardim ornamentado e colorido, uma placa permite aos visitantes declararem nas redes seu amor pela Capital Nacional das Flores com a hashtag #EuAmoHolambra.
Um grande corredor de guarda-chuvas instalados ao longo da passagem elevada da Alameda Maurício de Nassau foi feito para dar um colorido diferente e inédito à Expoflora – e também ao município. Algumas praças da cidade também receberam flores gigantes, tudo isso para alegrar ainda mais a visita dos turistas de todo o país.
Paradas obrigatórias para quem visita à cidade, o Moinho Povos Unidos e o Museu Histórico da Imigração funcionarão regularmente durante os dias da exposição, ambos das 10h às 17h, com bilheteria.

Serviço:

Moinho Povos Unidos
Entrada: R$ 10,00
Meia-entrada: R$ 5,00 (professor, estudante e idoso)
Isenção: crianças até 10 anos

Museu Histórico da Imigração
Entrada: R$ 5,00
Meia-entrada: R$ 3,00 (estudante e idoso)

 


Comentários