Holambra registra recorde de infectados pela Covid-19 e confirma 17ª morte

Foto Noticia

Holambra confirmou ao longo dos últimos sete dias 409 novos casos de Covid-19. É a maior quantidade de registros desde o início da pandemia. Um aumento de 538% no número de infectados em relação ao último balanço, divulgado no dia 6 de janeiro.

A cidade contabiliza, desde março de 2020, de acordo com dados do Departamento Municipal de Saúde, 2.654 casos e 17 óbitos. O bairro Imigrantes soma 736 confirmações, seguido do Centro com 243 e do Groot com 249 registros.

A 17ª vítima da doença na cidade é uma mulher de 65 anos, que possuía comorbidades e morreu em 2 de janeiro. Moradora do bairro Jardim Flamboyant, ela estava internada em um hospital de Osasco.

“A situação é grave. É preciso que todos entendam que a doença é extremamente contagiosa. Vale lembrar que não sabemos como a Covid-19 pode evoluir em cada organismo”, explicou o diretor municipal de Saúde, Valmir Marcelo Iglecias. “O uso correto da máscara, durante todo o tempo em que estivermos fora de casa, é importantíssimo. É preciso que cada um faça a sua parte. Respeito pelo próximo é fundamental”.

Quem apresentar sintomas gripais leves deve ir até a unidade de saúde mais próxima de casa. Pessoas que apresentarem sintomas como febre alta persistente e dificuldade para respirar devem procurar o atendimento de urgência e emergência na Policlínica Municipal.

Dose de reforço

O diretor do Departamento Municipal de Saúde explicou ainda que o recebimento da 3ª dose da vacina é de extrema importância neste momento. Segundo ele, cerca de 3.800 holambrenses podem tomar o reforço e ainda não procuraram o posto para receber o antígeno. Estão aptos para a 3ª dose moradores acima de 18 anos que tomaram o complemento há, pelo menos, 4 meses. No caso dos imunossuprimidos o prazo é menor: 28 dias. A aplicação ocorre às quartas e sextas-feiras no Salão da Terceira Idade, das 8h às 12h e entre 13h e 15h, sem necessidade de agendamento.

Até o momento, 91,7% dos holambrenses já receberam a 1ª dose da vacina. 87,41% tomaram as duas doses ou o antígeno de dose única e 28% receberam o reforço do imunizante.

 

Pré-Cadastro liberado para vacinação de crianças entre 5 e 11 anos

Já está liberado o pré-cadastro para a vacinação contra a Covid-19 de crianças entre 5 e 11 anos. A ação agiliza o atendimento no dia da imunização. Para isso, os responsáveis devem acessar www.vacinaja.sp.gov.br e preencher o formulário. O processo de vacinação em Holambra para esta faixa etária terá início assim que o município receber as doses do antígeno.

  

Comentários