Hospital São Francisco de Mogi Guaçu abre as portas para palestra sobre saúde mental

Com o objetivo de convidar as pessoas a pensarem sobre o sentido e o propósito de suas vidas, o Hospital São Francisco de Mogi Guaçu realiza no dia 29 de janeiro a palestra “Janeiro Branco Saúde Mental”. O evento comandado pela psicóloga Samantha Nobre, é gratuito e acontece a partir das 19hrs no auditório do hospital.

Pessoas de diferentes idades, classes sociais e profissões são diagnosticadas com doenças envolvendo o psicológico. E, o mês de janeiro foi o mês escolhido para abordar temas sobre a saúde mental, pois é no começo de um novo ano que muitas pessoas precisam saber lidar com as frustrações de metas que não alcançadas e fazer novos planos.

Se auto conhecer, entender a maneira de se relacionar com as pessoas e saber seu propósito de vida, são passos importantes para estar com a saúde mental em dia. Seguindo nessa linha, a palestra abordará temas como: a qualidade dos relacionamentos e o quanto as pessoas se conhecem, além de conhecer mais sobre as emoções, os pensamentos e os comportamentos.

O bate papo aberto a população será ministrado pela psicóloga Samantha Nobre, no auditório do Hospital São Francisco de Mogi Guaçu, a partir das 19h00. Os interessados em participar da palestra devem se inscrever através do telefone (19) 3851-8000, ramal 378.

SERVIÇO:
Palestra – Janeiro Branco Saúde Mental com a psicóloga Samantha Nobre
Quando: 29/01/2020 – às 19h00
Onde: Auditório Hospital São Francisco – R. Inácio Franco Alves, 561 – Parque Cidade Nova, Mogi Guaçu
* A palestra é aberta ao público e os interessados em participar devem entrar em contato no telefone (19) 3851.8000 no ramal 378 e fazer sua inscrição.

Sobre o Hospital São Francisco de Mogi Guaçu

Com mais de 30 anos de história, o Hospital São Francisco teve seu início em 1986 com um grupo de médicos que partilhavam do mesmo objetivo de criar um hospital moderno, com equipamentos inovadores e aliado a um atendimento de qualidade que que preza pelo conforto e bem-estar de seus pacientes.
O projeto inicial com 35 médicos-sócios hoje conta com mais de 100, além dos 600 funcionários, 7.500 atendimentos no pronto atendimento e as 600 cirurgias realizadas mensalmente.

  

Comentários