Moção de Aplausos pelos 150 anos da Loja Maçônica Trabalho, de Amparo

De autoria do presidente da Câmara Municipal de Amparo, vereador Carlos Cazotti (MDB), a Moção de Aplausos nº 017/2022 manifesta aplausos à Loja Maçônica Trabalho, que completa 150 anos de sua instalação em Amparo.

Na presença do venerável mestre, Dirceu Rosa Moreira, a aprovação foi unânime na sessão ordinária de 29 de agosto. “Por meio dessa Moção, quero parabenizar o trabalho dessa instituição em nossa cidade. Atingir a marca de 150 anos demonstra solidez, que tem alicerces e contribui muito para o desenvolvimento de nossa sociedade. Os valores que pregam, a virtude, o patriotismo, a honradez, o trabalho, servem de exemplo para todos os níveis sociais”, declarou Cazotti.

A Loja Maçônica Trabalho (A.R.L.S. Trabalho n. 238), pertencente ao Grande Oriente do Brasil (GOB) e é uma das mais tradicionais e antigas do Brasil. O GOB é a mais antiga Potência Maçônica Brasileira (Associação de Lojas Maçônicas). A sigla A.R.L.S., própria do universo maçônico, significa ‘Augusta e Respeitável Loja Simbólica’.

Em Amparo, foi fundada em 18 de agosto de 1872 por Bernardino de Campos, José Pinto Nunes Júnior, Manuel de Paiva Moreira, Francisco Antônio de Oliveira Prestes, José Gomes de Oliveira Carneiro, José Pedro de Godoy Moreira, Joaquim Pereira da Silva Barros, Antônio José Soares Filho, Eugênio Pinto Pereira, João Mendes do Amaral, Francisco de Assis Santos Prado, Joaquim Caetano Leme, José Manuel de Miranda, Zeferino da Costa Guimarães (o comendador Guimarães), Jorge Franco do Amaral, João Rodrigues Teixeira, José Francisco Leme e Salvador José de Miranda.

Estavam presentes os vereadores André de Oliveira (PP), Antonio Cesar Mineiro (MDB), Carlos Cazotti (MDB), Edilson Santos (DEM), Edilson José (Dil – PSD), Pastor Elson Batista (PL), Farlin Conrado (MDB), Janaina Pereira (PDT), Osmar Dorigan (MDB), Luiz Carlos de Oliveira (Carlitinho – PSDB), Rosa Montini (PSDB) e Silvia Forato (PT).

  

Comentários