fbpx

Novos conselheiros tutelares serão empossados em janeiro

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e a Prefeitura de Pedreira, representada por suas secretarias municipais de Promoção Social e de Planejamento, contando com o apoio do Ministério Público, estarão promovendo no domingo, 10 de janeiro de 2016, a partir das 9 horas, nas dependências da Câmara Municipal de Pedreira, a solenidade de Diplomação dos novos Conselheiros Tutelares.

As eleições para escolha dos cinco novos Conselheiros Tutelares aconteceu no dia 4 de outubro de 2015, com todo o processo eleitoral ocorrendo nas dependências da Escola Estadual Dr. Silvio de Aguiar Maya. “O processo que culminou com o pleito eleitoral foi iniciado no mês de abril, com a abertura das inscrições, posteriormente no mês de julho, foi aplicada uma prova e os candidatos aptos ao cargo passaram por treinamento e puderam realizar sua campanha, visando à conquista de votos”, ressalta o secretário de Planejamento Allan Rodrigo Alves.

Na ocasião, 3.097 eleitores compareceram as urnas. “Todo o processo resultou no fortalecimento do Conselho Tutelar, representando um ganho para a sociedade, atuando com maior estrutura em defesa dos direitos da criança e do adolescente”, enfatizou o secretário de Promoção Social Edson Luis Nascimento.

Carlos Pollo, prefeito de Pedreira, lembra que os Conselhos Tutelares são órgãos do Sistema de Garantia dos Direitos de Crianças e Adolescentes. Eles foram criados pela Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990, para agilizar o atendimento prestado à população infanto-juvenil. “Os cinco novos Conselheiros Tutelares eleitos terão mandato de quatro anos. Quero destacar que está foi a primeira vez que os Conselheiros foram escolhidos pelo voto popular”, concluiu o prefeito Professor Carlos.

Estarão sendo diplomados os seguintes Conselheiros Tutelares: Jenifer Caroline Dacol Bonamin, Marcela Azevedo Franco de Godoy, Katia Rosana Furlan Conti, Adriana Ferraz da Silva Amorin e Anderson Franco de Godoi. Suplentes: Messias Duó dos Santos, Carlos Eduardo Rodrigues, Lucia Rosa da Silva, Claudio Rogério Colosso e Bruna Spoladore.

  

Comentários